Os azulejos nas paredes portugueses pareciam manter a História presente. Mas arrastavam-se ao mesmo ritmo e deixavam espaços vazios na cultura do país. Então, Diogo Machado voltou a dar vida aos objetos urbanos que pareciam ter perdido vida: carregou as suas cores, entregou-lhe personagens e espalhou-a pelas cidades. E não só portuguesas.

O gestor da página Add Fuel no Facebook, começou na sua terra natal, Cascais. “Queria fazer alguma coisa que definisse à sua história e com a qual me identificasse enquanto português”, explica Diogo ao Boredpanda. A seguir, bastou animar os cantos de Portugal com as ilustrações mais irreverentes e espirituosas.

É um novo modo de fazer arte portuguesa. Porque “nos dias de hoje, é importante, como cidadãos de um mundo tecnológico e célere, que repensemos o que as tradições significam para nós e como podem ser preservadas”, esclarece Diogo.

Além do mural, pode conhecer melhor o trabalho de Diogo Machado no seu site ou no Instagram.