O Manchester United reforçou hoje o quarto lugar da Liga inglesa de futebol, que dá acesso à pré-eliminatória da Liga dos Campeões, ao vencer por 2-1 na visita ao Crystal Palace, em jogo da 36.ª jornada.

Os ‘red devils’ seguem com 68 pontos, mais sete do que o Liverpool, que no domingo visita o campeão Chelsea, e menos dois que o Arsenal, terceiro, que tem menos dois jogos disputados.

O Manchester United adiantou-se no marcador aos 20 minutos na sequência de uma grande penalidade convertida por Juan Mata, tendo a equipa da casa chegado ao empate por intermédio de Jason Puncheon, aos 57. O golo da vitória dos visitantes foi apontado por Fellaini, aos 58 minutos.

A 36.ª jornada fica, para já, marcada pela despromoção do Burnley, apesar de a equipa ter vencido o Hull City, por 1-0.

A duas jornadas do fim da prova, a equipa orientada por Sean Dyche soma 29 pontos e ocupa o penúltimo lugar da tabela à frente do Queens Park Rangers, que ainda não está matematicamente despromovido porque só joga no domingo.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Na luta pela manutenção, o Aston Villa venceu em casa o West Ham, com um golo de Tom Cleverley, aos 31 minutos, e segue na 14.ª posição, com 38 pontos, quatro acima da ‘linha de água’.

O Stoke City venceu por 3-0 na receção ao Tottenham, com golos de Chalie Adam (21), Steven N’Zonzi (32) e Biram Diouf (86), mas manteve o 6.º lugar – que ainda dá acesso à Europa – com um ponto de vantagem sobre o Southampton, derrotado por 2-0 na visita a Leicester.

No primeiro jogo do dia, o Sunderland, também envolvido na renhida luta pela manutenção, venceu o Everton por 2-0.

A ronda fica completa no domingo com a receção do Manchester City ao Queens Park Rangers e a visita do Liverpool ao campeão Chelsea.