Dark Mode 75,9 kWh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

Como o fato de banho encolheu em 100 anos

Antes do fato de banho surgir, na década de 1920, as pessoas iam vestidas para a praia. Desde então muita coisa mudou, tal como mostra uma nova exposição na capital inglesa.

8 fotos

Em mais de um século de vida, o fato de banho tem reduzido de tamanho, não só por sugestão da moda que se foi vergando ao consolo dos banhos de sol, mas também por influência das mentalidades que, com o tempo, sofreram um processo inverso — isto é, tornaram-se mais amplas. De cada vez que a sociedade alterava, em geral, as suas noções de pudor, os fatos de banho encolhiam.

Streifzug durch 120 Jahre Bademoden-Trends.

Posted by T-Online.de TV on Domingo, 24 de Maio de 2015

“Nos anos 1950, a maioria das jovens queria parecer-se com as suas mães. Nos 1960, a grande mudança foi que as mães queriam parecer-se com as filhas”, disse em tempos o designer britânico David Sassoon, citado pela edição espanhola da BBC. O homem que chegou a desenhar peças de roupa para a princesa Diana, entre outros membros da família real, é agora um dos responsáveis por uma exposição dedicada à roupa de praia (swimwear, em inglês), a ocupar o Fashion and Textile Museum, em Londres, até 30 de agosto — Riviera Style explora a forma como o swmiwear mudou desde 1900.

A exposição vai desde o início do século XX, altura em que as praias começaram a tornar-se destinos populares durante o verão, até ao presente. E se numa primeira fase as pessoas deslocavam-se para o areal praticamente vestidas, Sasson garante que, hoje em dia, é possível andar-se praticamente nu na praia. “A mudança de estilos pode dizer muito sobre como era a moral no passado. O que era permitido mostrar e o que não era”, acrescentou ainda Christine Boydell, professora de história do design e outra das curadoras da exibição.

Esta exposição aposta em três momentos principais, escreve a BBC. Desde a invenção do fato de banho em 1920, o qual deixa de cobrir as pernas, à criação do biquíni em 1947 pelo francês Louis Réard — assim que surge, é tido como escandaloso e há mesmo quem o defina como a “bomba atómica da moda”. É ainda considerada a tanga, essa peça de roupa de pequenas dimensões que começa a monopolizar a praia desde que nasce em 1974, em terras brasileiras, por responsabilidade do italiano Carlo Ficcardi.

Mas a inovação dos fatos de banho também passa pela escolha dos tecidos. Os primeiros trajes para ir a banhos eram feitos à base de algodão e lã, o que os tornava bastante pesados e desconfortáveis depois de molhados. Diz a CNN, que essa foi esta a realidade durante os anos 1930. Os tecidos elásticos chegariam duas décadas depois e a licra só passaria a ser omnipresente a partir dos anos 1980.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.