532kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 32.99/mês aqui.

Restaurante português na Califórnia ganha estrela Michelin

Este artigo tem mais de 5 anos

O Guia Michelin está definitivamente rendido à cozinha portuguesa. Mesmo quando esta é praticada além-fronteiras, como no caso do Adega, em San Jose, na Califórnia, que acaba de ganhar uma estrela.

O restaurante fica numa zona da cidade conhecida como Little Portugal e não dispensa os elementos típicos como os azulejos ou as louças Vista Alegre e Bordallo Pinheiro.
i

O restaurante fica numa zona da cidade conhecida como Little Portugal e não dispensa os elementos típicos como os azulejos ou as louças Vista Alegre e Bordallo Pinheiro.

www.adegarest.com

O restaurante fica numa zona da cidade conhecida como Little Portugal e não dispensa os elementos típicos como os azulejos ou as louças Vista Alegre e Bordallo Pinheiro.

www.adegarest.com

É em San Jose, a terceira cidade mais populosa do estado da Califórnia e a décima dos Estados Unidos, que se concentra uma das maiores comunidades de portugueses e lusodescendentes do país, muitos deles habitantes de um bairro humilde conhecido por Little Portugal. Pois bem: quem quiser experimentar a cozinha do único restaurante da cidade com estrela Michelin é precisamente a Little Portugal que se deve dirigir e procurar pelo Adega, que acaba de receber essa distinção.

Durante mais de 30 anos, o espaço que desde 2015 acolhe o Adega foi ocupado por Leonel Sousa e a mulher Aida. O seu restaurante Sousa’s era pouso frequente dos portugueses da cidade, graças a especialidades como Coelho à Caçador ou Bacalhau à Gomes de Sá. Mas a doença de Aida obrigou Leonel a reformar-se e este acabou por vender o espaço a outro casal português, Carlos e Fernanda Carreira.

ADEGAMICHELIN530

O polvo à lagareiro do Adega há-de ter contribuído para esta estrela Michelin.
(foto: www.adegarest.com)

A filha destes, Jessica, nascida em San José, estudou pastelaria na Le Cordon Bleu College of Culinary Arts, em Los Angeles, e mudou-se para Portugal onde passou por alguns restaurantes de nomeada, casos de Alma, Assinatura ou Eleven, onde chegou a chef de pastelaria, com apenas 20 anos. Foi aí que teve o primeiro contacto com as estrelas Michelin. O segundo teve-o agora, na companhia do marido David Costa, o chef do Adega, também ele com passagens por Eleven e Assinatura. Ao Mercury News, Jessica revelou-se “muito surpreendida, chocada até, mas muito feliz”.

View this post on Instagram

Chocolate yum yum desert????????????????

A post shared by c-alex-e2 (@ialex5) on

Do menu fazem parte alguns dos maiores clássicos do receituário nacional, caso dos Pastéis de Bacalhau, Polvo à Lagareiro, Carne de Porco à Alentejana, Arroz de Pato, Arroz de Marisco ou Bife à Portuguesa, entre outros. A apresentação, contudo, é mais contemporânea que tradicional. As sobremesas de Jessica exibem a sua escola fine dining, sempre sem esquecer os sabores ou as influências nacionais, como no caso da famosa Calçada de Chocolate. Já a garrafeira é uma das mais bem-recheadas de vinhos portugueses fora de Portugal. Nem podia ser de outra forma — Carlos e Fernanda Carreira estão há vários anos ligados ao negócio da importação de vinhos.

O Adega é o segundo restaurante português — ou de influências assumidamente portuguesas — a receber uma estrela Michelin, depois do nova-iorquino Aldea, do luso-americano George Mendes, que a tem desde 2012.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.