O youtuber EverythingApplePro publicou, dia 16 de novembro, um vídeo que deixou alguns utilizadores de iPhone preocupados. Existirá uma falha de segurança nos equipamentos da marca que permite aceder aos contactos e à galeria sem precisar do código de desbloqueio ou da impressão digital do proprietário. Tudo o que é preciso é a assistente virtual, a Siri.

A falha afeta dispositivos que tenham instalada versões que vão desde o iOS 8 ao iOS 10.2 (beta), afetando assim todos os modelos desde o iPhone 4S até ao mais recente iPhone 7.

Como o youtuber demonstra no vídeo, o processo começa com uma simples chamada que é recusada utilizando o método de enviar uma mensagem personalizada. A partir daí, se a Siri estiver autorizada a ser utilizada com o ecrã bloqueado, qualquer pessoa pode aceder aos dados do smartphone. Através da assistente pessoal, ativa-se o VoiceOver e com uma combinação de toques é possível aceder aos contactos e, depois disso, alterar a fotografia do contacto e ganhar assim acesso à galeria completa, tudo isto sem que o iPhone seja desbloqueado.

Como se proteger

Até que a Apple lance uma versão nova do iOS que resolva o problema, a única maneira de evitar este método é mesmo desativando a Siri no ecrã de bloqueio.

IMG_0104 IMG_0105

Aceda a Definições > Siri > Com ecrã bloqueado. Depois da opção ser desativada já não há qualquer risco de utilizarem este método para aceder ao dispositivo.