Esta é uma luta que Demi Lovato, de 25 anos, tem vindo a travar desde a chegada à fama. Após seis anos afastada das drogas, a cantora voltou a sofrer uma recaída e esta madrugada foi internada de urgência num hospital de Los Angeles, nos Estados Unidos, devido a uma alegada overdose de heroína. O site TMZ, o mesmo que avançou a notícia, revelou algumas horas depois que o estado de saúde da cantora está estável. “A Demi já acordou e está com a família, que quer agradecer a todos pelo amor, rezas e apoio. Algumas informações divulgadas estão erradas e eles pedem pelo respeito à privacidade”, disse um porta-voz da intérprete ao website especializado em celebridades.

Cantora Demi Lovato está estável, depois de ter sido internada de urgência por overdose

Nas redes sociais, além das milhares de mensagens de fãs com a hashtag #prayforDemi, já foram várias as figuras públicas que reagiram à situação da cantora, especialmente as do mundo da música. Brad Paisley, cantor de country, disse que Demi é “uma das pessoas mais queridas e talentosas” que já conheceu. Os dois chegaram a trabalhar juntos, com o lançamento de uma música – Without a Fight – em 2016. “Estou a rezar por ela neste momento. O vício é uma doença terrível. Não há ninguém mais honesto ou forte do que esta mulher”, acrescentou no Twitter.

A história de Demi tem sido de altos e baixos: aos 18 anos esteve numa clínica de reabilitação, admitindo que foram várias as vezes em que não conseguiu lutar contra as drogas e a bebida. No último documentário sobre a sua história, chamado Simply Complicated, a cantora começou por admitir que na última entrevista longa que deu “estava sob o efeito da cocaína”. A depressão, os distúrbios alimentares e o bullying marcaram a sua adolescência, numa altura em que foi catapultada para a fama com o filme da Disney Camp Rock, em 2008, quando tinha apenas 15 anos. Joe Jonas foi o seu par no filme, e também já veio demonstrar o seu apoio à cantora, juntamente com os irmãos Nick Jonas e Kevin Jonas. “Sabemos o quão forte tu és”, disse o cantor.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

No seu mais recente single — Sober (em português “Sóbria”) -, lançado há um mês, a cantora aborda a sua ligação com o álcool e admite as recaídas. “Mãe, desculpa por não estar mais sóbria, e pai por favor perdoa-me pelas bebidas espalhadas pelo chão”, lê-se na letra. A cantora, aliás, nunca escondeu os problemas que teve. Em março deste ano, Demi tinha celebrado “seis anos de sobriedade”.

https://twitter.com/ddlovato/status/974314193263316992

O cantor  Shawn Mendes também deixou uma mensagem de apoio no Twitter. Já a apresentadora e comediante Ellen DeGeneres, que recebeu várias vezes a cantora no seu talkshow, disse que estava “de coração partido por ela estar a passar por isto”. “Ela é uma luz neste mundo. Envio o meu amor para ela e para a família”.

Ariana Grande foi uma das primeiras a reagir e enviou uma pequena mensagem a demonstrar carinho pela cantora. A atriz Lili Reinhart, conhecida pelo seu papel na série Riverdale, enviou uma mensagem mais longa, onde explica que Demi Lovato era a sua inspiração quando tinha 14 anos “pela forma como falava sobre a saúde mental”. “Agora continua a inspirar milhares de jovens, homens e mulheres, com as suas mensagens de aceitação”, disse, sublinhando que o vício e as doenças mentais não deveriam ser discriminados.

A cantora Kehlani enviou uma mensagem de apoio a Demi, mas quis ir mais longe e refletiu também sobre o vício. “O vício não é algo em que nos possamos colocar no lugar de alguém. Tens de lutar sozinho ou isso vai destruir a tua família para o resto da tua vida”, referiu, sublinhando que “este não é o momento para fazer pouco” da situação da cantora. “O vício não é simples nem fácil”, disse.

Missy Elliott, com quem Demi também colaborou, sublinhou que “nunca se sabe pelo que as pessoas estão a passar” e pediu “compaixão e nada de piadas”. Já Adam Lambert, vencedor do concurso de talentos American Idol, em 2009, enviou “boa energia e amor”.

Demi Lovato iria aparecer no episódio da noite de terça-feira do programa da Fox “Beat Shazam”, que é apresentado por Jamie Fox.