O cantor português Salvador Sobral vai fazer três concertos de homenagem ao mestre da chanson française Jacques Brel. Os espetáculos acontecerão em fevereiro do próximo ano: dia 7 no Centro Cultural de Belém, em Lisboa; dia 8 na Casa da Música, no Porto e a 10 no Teatro Aveirense, em Aveiro.

O espetáculo de homenagem terá como título “Salvador Sobral canta Brel” e acontecerá porque o cantor belga que nasceu em 1929 e morreu em 1978 é “um nome basilar da cultura francófona”, um “contador de histórias” e um dos “mais consagrados intérpretes do século passado” que “apaixonou Salvador Sobral desde cedo e o levou a criar este ciclo de concertos”, informa a sua agência em comunicado enviado aos jornalistas.

A acompanhá-lo em palco na revisitação do repertório de Jacques Brel, Salvador Sobral terá uma banda de sete elementos. O septeto é formado por Samuel Lercher (piano), Nelson Cascais(contrabaixo), Joel Silva (bateria), André Santos (guitarra), Inês Vaz(acordeão), Diogo Duque (trompete e flautas) e Ana Cláudia Serrão (violoncelo).

Nota – Artigo editado às 22h com correção da nacionalidade de Jacques Brel