Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

José Azevedo Pereira, que foi diretor-geral da Autoridade Tributária, vai subir à presidência do EuroBic, assumindo o lugar até agora ocupado pelo antigo ministro das Finanças Fernando Teixeira dos Santos. A notícia é avançada pelo jornal Eco, esta terça-feira, que acrescenta que o nome já terá sido aprovado pelo Banco de Portugal e, por isso, deverá confirmar-se na assembleia-geral que está convocada para 14 de setembro.

O EuroBic está em processo de venda, um processo que segundo o Eco tem “conhecido desenvolvimentos nas últimas semanas” depois da desistência dos espanhóis do Abanca. Temendo que o processo de venda se arraste por muito tempo, porém, o Banco de Portugal, agora liderado por Mário Centeno, pressionou a que fosse formada uma equipa executiva que substituísse a equipa de Fernando Teixeira dos Santos, cujo mandato terminou em dezembro.

Do atual conselho de administração deverão sair Fernando Teles, Rui Pedras, Pedro Almeida e Silva e Bernardo Espírito Santo. Manuel da Luz continuará como administrador financeiro e José Azevedo Pereira, que chegou ao banco há pouco mais de um ano para ficar com o pelouro do risco, passa a presidente. Já Duarte Pitta Ferraz deverá presidirá à comissão de auditoria e Pedro Maia sobe de administrador não-executivo a chairman.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR