Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Quando é necessário produzir um vídeo com imagens espectaculares de veículos de competição a realizar peões, saltos, “atravessadelas” e intermináveis piruetas, as estrelas são sempre automóveis ou pick-ups altamente transformados e potentes, que por definição são caros. Este vídeo vem provar que os ATV podem ser tão ou mais exuberantes e com custos que dificilmente ultrapassarão um décimo dos valores.

O ATV escolhido para estas imagens, recolhidas em redor de Long Beach, foi o Polaris RZR Pro R, a versão mais desportiva e potente dos side by side da marca. Nas mãos do campeão de todo-o-terreno R. J. Anderson, o ATV salta por cima de uma via de acesso à auto-estrada, anda em duas rodas e faz habilidades de fazer crescer água na boca aos que gostam deste tipo de manobras.

O mais possante e desportivo dos RZR side by side disponíveis em Portugal é o Pro XP, um quadriciclo com dois lugares, transmissão 4×4 ou apenas tracção traseira e suspensões com melhores amortecedores e curso de 50,9 cm à frente e 55,9 cm atrás. É proposto por 30.525€, uma gota de água face aos valores exigidos pelos automóveis e pick-ups que alguns pilotos utilizam nos seus vídeos, como Ken Block nos Gymkhana.

Já que nos debruçámos sobre o potencial e rapidez dos ATV, veja aqui o que o mesmo piloto consegue fazer com um RZR em plena montanha.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR