Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Morreu este domingo o ator norte-americano James Michael Tyler aos 59 anos, depois de não resistir a um cancro na próstata. O ator ficou mundialmente conhecido por ter protagonizado a personagem Gunther na icónica série televisiva “Friends”.

James Michael Tyler foi diagnosticado ainda em 2018 com a doença, que já estaria num estado avançado e que ao longo dos últimos anos se foi alastrando para os ossos do ator — segundo o que ele mesmo anunciou há meses — agravando de forma alarmante o seu estado de saúde. James morreu “pacificamente” na sua casa em Los Angeles, segundo declarações do seu agente que anunciou o sucedido.

“Os entes queridos de Michael conheciam-no como ator, músico, defensor da consciência do cancro e como um marido amoroso”, acrescentou, citado pela Variety. “Michael adorava música ao vivo, aplaudindo os seus Clemson Tigers e encontrava-se frequentemente em aventuras divertidas e não planeadas. Se o conhecesse uma vez, faria um amigo para toda a vida.”

O ator fazia questão, nos últimos tempos, de insistir no rastreio da doença para poder haver um diagnóstico prematuro da mesma. “Querendo ajudar o maior número de pessoas possível, ele corajosamente partilhou a sua história e tornou-se um ativista para aqueles que tinham próstata para fazer uma análise ao sangue logo aos 40 anos de idade”, continuou o agente.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Em junho deste ano, o ator revelou que a doença se tinha alastrado a outras partes do seu corpo. “Foi-me diagnosticado um cancro avançado da próstata que se propagou até aos meus ossos. Tenho lidado com esse diagnóstico há quase três anos…. É agora a fase 4, cancro em fase avançada. Portanto, sabes, provavelmente vai afetar-me”, disse no Today da NBC. Numa fase inicial, o ator recebeu terapia hormonal, mas no ano passado começou a ser submetido a quimioterapia.

No Twitter, a conta oficial da série “Friends” já reagiu à morte do ator escrevendo: “A Warner Bros. Television lamenta a perda de James Michael Tyler, um amado ator e parte integrante da nossa família Friends. Os nossos pensamentos estão com a sua família, amigos, colegas e fãs.”

A sua personagem na série trabalhava no mítico café Central Perk e, era tido por muitos, como “o sétimo amigo”, apesar de não elencar o grupo composto por Rachel, Monica, Phoebe, Joey, Chandler e Ross. O ator, que participou em quase 150 episódios da série que esteve no ar entre 1994 e 2004, acabou por aparecer também — por meio de videoconferência — no mais recente especial da HBO Max “Friends: The Reunion”.

“Queria fazer parte daquilo, e inicialmente ia estar no palco, pelo menos, com eles, para poder participar em todas as atividades”, disse Tyler sobre o reencontro. “Foi agridoce, honestamente. Mas fiquei muito feliz por ser incluído. Foi decisão minha não fazer parte disso fisicamente e fazer uma aparição no Zoom, basicamente, porque eu não queria trazer um momento deprimente, sabes? Eu não queria ser do tipo ‘Oh, e já agora, Gunther tem cancro’.”

Enquanto estava em tratamento, continuou a atuar, protagonizando duas curtas-metragens — “The Gesture and the Word” and “Processing”  — que lhe valeram os prémios de melhor ator em vários festivais de cinema nacionais e internacionais. James Michael Tyler participou em séries como “Sabrina a Bruxa Adolescente”, “Scrubs” e “Modern Music”.

Elenco de “Friends” prestam tributo a James Michael Tyler. “Os ‘Friends’ não seriam os mesmos sem ti”, diz Jennifer Aniston

O elenco de “Friends” reagiu no Instagram à notícia da morte de James Michael Tyler. Jennifer Aniston, que interpretava a personagem Rachel, a eterna paixão de Gunther, escreveu na rede social: “Os ‘Friends’ não seriam os mesmos sem ti. Obrigada pelo riso que trouxeste para a série e para as nossas vidas”. Aniston partilhou um clip da cena da última temporada da série em que Gunther finalmente confessa o seu amor por Rachel, de partida de Nova Iorque.

Courteney Cox, Matt LeBlanc e Lisa Kudrow também prestaram tributo ao ator. A primeira referiu-se à “gratitude” do ator, do tamanho da que sente por o ter conhecido. Matt LeBlanc lembrou as gargalhadas partilhadas, dizendo que Tyler fará falta. “Vamos sentir a tua falta”, disse Lisa Kudrow.

Matthew Perry, o Chandler da série, ainda não reagiu à morte do ator.