O secretário-geral do PS prometeu esta terça-feira reabrir os tribunais encerrados pelo Governo no âmbito do novo mapa judiciário, acusando o executivo de ser “uma espécie de aspirador” que “está a esvaziar” o interior do país.

“Sou contra o encerramento dos tribunais. Não sou contra a necessidade de racionalizar os serviços públicos e poupar onde se deve poupar. Mas estamos a falar de pouquíssimo dinheiro (…) Com um governo do PS voltaremos a reabrir os tribunais porque é uma questão de justiça”, disse António José Seguro, no final de um debate no parlamento promovido pela Associação Nacional dos Autarcas Socialistas.

Para António José Seguro, o Governo “está a dar um sinal errado” ao interior do país com o encerramento dos tribunais – “está-se a dizer às pessoas que o Estado está a desistir delas”, frisou.

“Precisamos de coesão no nosso país porque há muitas desigualdades. Mas também precisamos de coesão territorial. E o que está a acontecer neste momento é que este governo está a esvaziar, é uma espécie de aspirador que está a aspirar zonas do interior do país, zonas mais despovoadas. E isso está a enviar uma mensagem a esses portugueses de que eles não contam, que ficam entregues à sua sorte. E isso não tem o mínimo sentido”, sustentou.