O que faria se o seu namorado/a confessasse uma traição? E quais as memórias preferidas na sua relação? Estas são algumas das questões colocadas no documentário interativo The And que procura estimular conversas, por vezes difíceis, entre casais. O projeto resulta da colaboração entre a agência de marketing Noise e a iniciativa batizada de The Skin Deep, tendo ainda o contributo do realizador Topaz Adizes.

O The And pretende retratar a honestidade numa relação e explorar a forma como comunicamos enquanto casal. Fá-lo através de uma perspetiva dinâmica que mete emoções à mistura. Cada visitante no site é convidado a viver uma experiência única: são colocadas quatro questões e, mediante as respostas, um pequeno filme (não mais do que um minuto e meio) é-lhe atribuído. As questões em causa variam a cada visita/experiência e puxam pela imaginação — “Como se sente quando alguém bate no seu companheiro?”, “Onde prefere ter relações sexuais?” e até “Onde coloca a sua fé?”.

The And

Site The And

 

Os filmes foram realizados com o contributo de 30 casais diferentes que representam uma grande variedade de relações. Há pessoas mais velhas, mas também adolescentes e homossexuais. Os vídeos mostram compilações de conversas. Nelas, os membros da relação estão sentados em lados opostos da mesa e, à vez, colocam questões um ao outro.

O site noticioso Bustle escreve que, por vezes, os vídeos são difíceis de ver por serem desconfortáveis. Outros são considerados “mágicos” — em última análise, cabe ao visitante decidir. A ideia é mesmo ver como diferentes pessoas reagem a situações que ajudam a quebrar barreiras numa comunicação a dois. O realizador Adizes explicou parte do processo de criação do projeto: “Usámos um sistema de marcação para construir um filme que fosse relevante para a pessoa com base nas suas respostas às questões. (…) Fizemos muita pesquisa tendo em conta questionários e testes de personalidades”.

The And 2

The And

 

Há ainda outras formas de explorar o The And: é possível assistir casais específicos a responder a algumas questões ou vice-versa, ao escutar as diferentes reações a uma só pergunta. O melhor é fazer a experiência por si próprio, aqui.