Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Quase 90 anos depois da sua morte, o canal História norte-americano vai dedicar uma mini-série à vida de Harry Houdini, um dos mais memoráveis mágicos de todos os tempos. A interpretar esta personagem está Adrien Brody, vencedor de um Óscar pela sua interpretação em “O Pianista”. E entre Houdini e Brody há mais semelhanças do que se possa pensar à primeira vista.

O trailer da mini-série foi conhecido na segunda-feira e deu o mote para o retrato da vida do mágico: “Todos queremos fugir de alguma coisa”. Harry Houdini, como mais tarde ficou conhecido mundialmente, nasceu Ehrich Weiss, na Hungria, e juntamente com a família imigrou muito cedo para os EUA. Aí viveu uma vida humilde até se notabilizar num truque de fuga de algemas.

circa 1920:  Hungarian-born escapologist Harry Houdini (1874-1926), whose real name was Ehrich Weiss.  (Photo by Edward Gooch/Edward Gooch/Getty Images)

Houdini celebrizou-se nas primeiras décadas do séc.XX

Daí para a frente os seus espetáculos foram ficando cada vez mais complexos e muitos dos truques ainda hoje realizados por mágicos são inspirados nas suas atuações – conseguir sair de um aquário amarrado com correntes ou escapar de um colete de forças são apenas alguns deles. O seu talento levou-o a digressões na Europa e tornou-o numa estrela mundial, um feito muito difícil de atingir na altura.

“Houdini” vai ter dois episódios – num total de quatro horas – e vai ser emitida nos dias 1 e 2 de setembro no Canal Gistória norte-americano. A realizar a série está Uli Edel, que no seu currículo conta com outras séries como “As Brumas de Avalon”. Para interpretar a personagem principal foi escolhido o ator Adrien Brody, também de origem húngara – a sua mãe é uma fotógrafa nascida em Budapeste.

Não há para já qualquer indicação sobre a estreia desta série em Portugal.