A Câmara Municipal de Loures aprovou esta quarta-feira um projeto de candidatura a fundos europeus para a remodelação do bairro da Quinta da Fonte, uma intervenção estimada em cerca de três milhões de euros.

A proposta para esta empreitada foi aprovada esta tarde, por unanimidade, durante uma reunião do executivo liderado pelo comunista Bernardino Soares e, a ser aceite, terá uma comparticipação de cerca de um milhão de euros. Em declarações à agência Lusa, a vereadora com o pelouro da Habitação na Câmara Municipal de Loures (distrito de Lisboa), Maria Eugénia Coelho afirmou que “existia uma necessidade urgente” de intervir naquele bairro municipal.

“Estamos a falar de um bairro com quase 20 anos que se encontra num estado avançado de degradação. Nesse sentido, esta intervenção poderá ajudar a resolver os problemas mais gritantes”, apontou.

Maria Eugénia Coelho explicou que a intervenção será feita no edificado, nomeadamente a nível das coberturas e das infiltrações e também nos espaços exteriores do bairro, como é o caso da rede de gás e de esgotos. “Temos a certeza que um espaço limpo e cuidado vai alterar toda a vida das pessoas e a vivência no bairro”, sublinhou.

A autarca acrescentou que irão ser intervencionados 54 prédios, ao longo de cerca de dois anos. A Câmara Municipal de Loures estima que as intervenções no bairro da Quinta da Fonte se possam iniciar no final deste ano.