A Companhia Nacional de Bailado (CNB) apresenta no sábado, no Teatro das Figuras, em Faro, o espetáculo “Primeira vez”, depois de a estreia em Lisboa, em outubro, ter sido adiada devido a um caso positivo de covid-19 num bailarino.

O programa “Primeira vez” apresenta duas novas criações dos coreógrafos portugueses Marco da Silva Ferreira (“Corpos de Baile”) e Filipe Portugal (“Teu corpo meu eco”), que pela primeira vez coreografam para a CNB.

“Este programa sublinha o equilíbrio de preservar o património coreográfico mas, ao mesmo tempo, acrescentando novas criações, numa relação entre o repertório e a criação”, disse à Lusa a diretora artística da CNB, Sofia Campos.

Filipe Portugal foi primeiro bailarino da companhia e regressa agora à sua primeira casa para apresentar uma criação com uma estética neoclássica, enquanto Marco da Silva Ferreira tem uma abordagem mais contemporânea, com influência das danças urbanas.

No espetáculo, Filipe Portugal “explora as memórias do seu percurso mas agora com os corpos dos atuais bailarinos da companhia, que depois as transformam na sua composição coreográfica”.

Já Marco da Silva Ferreira apresenta uma criação centrada numa “espécie de corpo coletivo em crescente aquecimento”, antecipou aquela responsável.

Segundo Sofia Campos, é uma oportunidade para o público “ver duas abordagens que sublinham bem a versatilidade e a grande qualidade dos bailarinos”, agora levados a responder às referências pessoais dos coreógrafos.

No entanto, sublinhou, não são trabalhos experimentais, mas sim criações que “afirmam cada vez mais a abertura da companhia a coreógrafos” que, mesmo não tendo ainda trabalhado com a CNB, é-lhes reconhecida “qualidade e capacidade criativa”, acrescentou.

O espetáculo, cuja entrada tem o valor de 15 euros, está marcado para sábado às 21:30 no Teatro das Figuras, em Faro.

O programa “Primeira Vez” será depois apresentando em Lisboa no mês de dezembro.