Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Ainda falta mais de um ano, (com uma pandemia pelo caminho) mas Inglaterra já prepara as celebrações dos 70 anos da rainha Isabel II no trono. O governo britânico promete um “espetáculo inesquecível” e outros dos destaques é que o povo britânico sai favorecido com mais um feriado extra neste jubileu de platina, uma vez que as celebrações irão prolongar-se durante quatro dias.

O anúncio foi feito no Twitter pelo secretário da Cultura do Reino Unido, Oliver Dowden, que revelou ao The Sun mais alguns detalhes sobre o que se pode esperar durante este evento que é único na realeza britânica — nunca nenhum outro monarca celebrou 70 anos no trono.

“Será um momento verdadeiramente histórico e que merece uma celebração memorável. Queremos igualar o espetáculo inesquecível dos Jogos Olímpicos de Londres em 2012”, declarou Oliver Dowden.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

As celebrações vão ocupar o calendário dos britânicos entre 2 e 5 de junho de 2022, mas os dias que antecedem também “vão contar com toda a fanfarra tradicional, num acumular de momentos espetaculares, de fazer parar o trânsito em todo o país”, prometeu o secretário da Cultura.

Isabel II comemora 65 anos de reinado – o histórico Jubileu de Safira

O governo britânico pretende “misturar o esplendor cerimonial dos jubileus anteriores com arte e tecnologia de ponta”, numa extensa programação com eventos em cidades do Reino Unido e nos 54 países membros da Commonwealth.

Será ainda concedida uma medalha do jubileu de platina a elementos dos serviços públicos, incluindo representantes das Forças Armadas, dos serviços de emergência e dos serviços prisionais.

O reinado de Isabel II começou em 6 de fevereiro de 1952 e a sua coroação ocorreu em 2 de junho do ano seguinte.