Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A cerimónia de abertura da Copa do Mundo encheu por completo a Arena Corinthians, em São Paulo. Foram precisas 1200 pessoas para organizar o espetáculo orquestrado pela empresa portuguesa Impossible Factory. Cerca de 600 figurinos fizeram a festa que se prolongou durante 25 minutos. O relvado foi substituído por um “tapete” de cores e foi, progressivamente, invadido pela simbologia – os recursos naturais e a cultura do Brasil foram, assim, homenageados perante o mundo inteiro.

A festa dividiu-se em três momentos. Num primeiro, apelou-se às maravilhas vegetais e minerais do país. Depois, foi a vez de celebrar o povo e cultura brasileiras. O trio encarregue de cantar o hino oficial da competição, We Are One (Olé Olá), encerrou a cerimónia. Jennifer Lopez, Pitbull e Cláudia Leitte apareceram, perante milhares de espectadores, vestidos com as cores da bandeira do país que recebe o mundial: amarelo, verde e azul.

Figurinos a envergar roupas associadas a diferentes flores iniciaram as festividades. Houve até homens-árvores em andas. Os tons azul, roxo, verde e amarelo proporcionaram, desde logo, um espetáculo visual apenas compreensível à distância, isto é, nas bancadas. Como a cerimónia foi realizada de dia, previamente marcada para as 15h15 (19h15, hora de Portugal continental), a iluminação foi descurada por completo e não houve direito a fogo de artifício.

De seguida, coreografias tradicionais preencheram o relvado (ainda) colorido. Os acordes animados que se faziam ouvir foram acompanhados por samba, capoeira, ritmos carnavalescos e dança gaucha, a título de exemplo. Tudo foi pensado ao pormenor e nem as bahianas quiseram faltar. O espírito brasileiro contagiou a atmosfera.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Até aqui, a tão falada bola de led permanecia intacta, no centro das celebrações, mostrando constantemente padrões diversos. No terceiro ato, a bola abriu-se para deixar passar o trio de cantores já referido. Primeiro veio a brasileira Cláudia Leitte, seguida de Lopez e Pitbull. A três vozes cantou-se:

Put your flags up in the sky (put them in the sky)
And wave them side to side (side to side)
Show the world where you’re from
(show them where you’re from)
Show the world we are one (one love, life)

Ole ole ole ola
Ole ole ole ola

Terminado hino oficial do 20º campeonato do mundo, os figurinos retiraram-se lentamente do relvado, bem como os artistas musicais. O público, a julgar pelo entusiasmo, terá aprovado a cerimónia. Feita a festa, começam os jogos. O primeiro acontece pelas 21h00 (hora de Portugal Continental) e vai ser disputado entre o país que acolhe o evento desportivo e a Croácia. Caso para dizer que o verdadeiro espetáculo vai começar.