A ligação da Ryanair para Ponta Delgada, nos Açores, vai arrancar a 29 de março, anunciou em Lisboa o presidente da companhia aérea de baixo custo irlandesa, Michael O’Leary. As tarifas mais baratas para cada viagem custam 30 euros.

A programação de voos para Ponta Delgada, que arranca no último domingo de março, vai ter três novas ligações: Lisboa, Porto e Londres, esperando a companhia registar 350 mil clientes por ano.

Para Lisboa, a programação para o inverno de 2015 vai proporcionar duas novas rotas, para Ponta Delgada e Varsóvia, num total de 17, anunciou Michael O’Leary, adiantando estarem previstos mais voos para Eindhoven (Holanda), Manchester (Reino Unido), Roma (Itália) e Porto (duas a três vezes por dia).

Faro vai ter uma nova rota para Memmingen (Alemanha) e também mais voos para Eindhoven e Londres.

“Os Açores vão agora ser um destino mais apelativo, especialmente para quem vem de Londres”, afirmou o presidente da Ryanair, expressando o seu desejo de a companhia vir a ser “o interrail [com os preços baixos como nestas viagens de comboio] dos céus”.

“As reservas para Ponta Delgada estão a correr melhor do que esperávamos, há uma grande procura”, disse o presidente da transportadora.

Michael O’Leary, que regularmente se desloca a Portugal para conferências de imprensa, explicou a razão desta disponibilidade: “Portugal é um país de significativo crescimento para a Ryanair e é também um mercado no qual estou pessoalmente empenhado”, disse, contando que todos os anos goza férias no Algarve.

O presidente da transportadora irlandesa falou ainda sobre a privatização da TAP, para considerar “normal” esta abertura do capital a investidores privados que, na sua opinião, “é apenas uma questão de tempo”.

Em Portugal, a Ryanair vai passar a contar com 59 rotas em quatro aeroportos (Ponta Delgada, Porto, Lisboa e Faro), estimando conseguir 6,7 milhões de passageiros por ano e realizar 352 voos semanais, segundos estimativas da empresa hoje divulgadas.

A 09 de dezembro, o diretor ibérico da EasyJet anunciou que a companhia aérea de baixo custo começa a voar entre Ponta Delgada e Lisboa a 29 de março, com três voos semanais.