A Marinha e a Força Aérea resgataram, esta madrugada de sábado, dois tripulantes de nacionalidade alemã, do veleiro DIOGENES, que se encontrava à deriva a 220 milhas a oeste de Lisboa, depois de ter partido o mastro.

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa recebeu o alerta pelas 20h55, através do navio mercante IVAR REEFER por telefone satélite, “reportando que o veleiro solicitava assistência”, diz a Marinha em comunicado. Foi de imediato empenhado um helicóptero EH-101 e um C-295 da FAP.

Os tripulantes foram resgatados pelo EH-101 da FAP e transportados para o aeroporto de Lisboa, onde foram assistidos pelo INEM e transportados para o Hospital de São José com indícios hipotermia.