O selecionador português de futebol de sub-21, Rui Jorge, disse esperar dificuldades no jogo com a Albânia, na terça-feira, no arranque da qualificação para o Euro2017 da categoria.

“É uma equipa que em casa é tradicionalmente difícil. Temos a experiência de lá ter ido há duas qualificações, as dificuldades que encontrámos e o resultado que conseguimos trazer de lá, que não foi o que queríamos”, lembrou o técnico.

Na campanha para o Euro2013, também com Rui Jorge, Portugal defrontou a Albânia em 2011, não indo além de um empate a 2-2, em jogo disputado em Durres, mas o técnico espera trazer agora melhor registo. “Vamos conscientes que vamos ter dificuldades, mas esperançosos em conseguir um bom resultado”, acrescentou.

Portugal, que é vice-campeão europeu em título, terá o seu jogo de estreia no Grupo 4 na terça-feira Estádio Qemal Stafa, em Tirana, às 18:00 (17:00 em Lisboa), num encontro que terá arbitragem do alemão Marco Fritz. Do grupo 4 fazem também parte Israel, Hungria, Liechtenstein e Grécia. Os vencedores dos nove grupos qualificam-se diretamente para o Europeu, enquanto os quatro segundos mais bem classificados irão disputar um ‘play off. No final as 11 seleções apuradas juntam-se à anfitriã Polónia.

Portugal é vice-campeão europeu de sub-21, depois de ter perdido a final, a 30 de junho, do Euro2015 disputado na República Checa, frente à Suécia, no desempate por grandes penalidades e após 0-0 no prolongamento.