Conteúdo Microsoft

Dar mundo às startups portuguesas

193

A 6 de abril, a Microsoft desvenda o seu programa de apoio à internacionalização das startups tecnológicas nacionais. O Ativar Portugal Startups traz o futuro às empresas mais dinâmicas de hoje.

Ativar Portugal

Com uma aposta clara na internacionalização das startups de base tecnológica nacionais, o Ativar Portugal Startups 2016 é uma iniciativa da Microsoft Portugal que abre uma nova perspetiva ao programa iniciado em maio de 2014. O Ativar Portugal começou por ser um programa de formação e valorização para o emprego, requalificação e certificação tecnológica.

Ao reunir sinergias em torno de novas empresas, de novos projetos e de uma nova geração de empreendedores, o objetivo inicial era potenciar oportunidades de aprendizagem, formação, crescimento económico e a criação de emprego a nível nacional.

O programa prossegue hoje com o intuito de certificar 10.000 pessoas até 2017 em tecnologias Microsoft. A ideia da companhia passa por reduzir o desemprego com o preenchimento das mais de 5.000 vagas no setor das TI, para as quais não há profissionais com qualificações adequadas.

No ano passado, a nova geração do programa Ativar Portugal somou o termo «Startups» à sua designação inicial e apostou claramente no apoio aos empreendedores nos três pilares que a Microsoft considera basilares: pessoas, ferramentas e negócios. Este será o caminho para o crescimento atual e futuro, de modo a alcançar negócios de sucesso.

Orientando as pessoas, formando-as nas ferramentas necessárias e fomentando os negócios, a nova fase do Ativar Portugal Startups que será apresentada na próxima semana foca-se num dos tópicos cruciais para o sucesso global das novas startups de base tecnológica portuguesas: a internacionalização.

Atualmente, há mais de 35.000 startups no nosso país. Através do Ativar Portugal Startups, a companhia pretende contribuir para o surgimento anual de 50.000 startups a partir de 2020, e a consequente criação de 130.000 novos postos de trabalho, com uma taxa de sucesso de 50% (contra os atuais 20%), gerando entre cinco a dez startups 1 bilião de dólares.

Apesar de a experiência ser recente, o know-how é bastante grande. Foi ultrapassado o número de 120 startups portuguesas de base tecnológica apoiadas pelo Ativar Portugal desde a criação do programa, em março de 2015. A iniciativa Ativar Portugal Startups pretende ser agregadora e conta por isso com o apoio direto das melhoras incubadoras e empresas de capital de risco na projeção internacional e na criação de negócios globais de sucesso.

O foco está nas startups nacionais de elevado potencial de crescimento, sendo-lhes concedido acesso gratuito às mais recentes ferramentas tecnológicas, a novos clientes e mercados, a par do aconselhamento em diversas áreas e ações de promoção e divulgação junto das empresas nacionais e internacionais do setor. Neste momento, já há provas dadas, uma vez que o programa Ativar Portugal Startups permitiu acelerar o desenvolvimento destas empresas embrionárias, trazendo valor ao seu negócio e facilitando-lhes assim o acesso ao financiamento.

O evento realiza-se dia 6 de abril de 2016, nas instalações da Microsoft Portugal, e apresenta quatro componentes distintas. A primeira é a abertura da conferência, com os principais intervenientes no panorama tecnológico português.

Destacam-se os oradores já confirmados, João Couto (diretor geral da Microsoft), João Vasconcelos (Secretário de Estado da Indústria) e Alexandre Barbosa (da Faber Ventures, responsável por várias startups nacionais que são casos de sucesso de internacionalização).

O segundo momento do dia designa-se Business Speed Dating e é acessível às startups que integram o programa Ativar Portugal. Consiste numa dinâmica que põe em contacto as várias startups convidadas e algumas das maiores empresas e entidades nacionais, com vista ao estabelecimento de parcerias capazes de alavancar o crescimento mútuo.

Por fim, o terceiro tópico do evento designa-se Startup “Expo Area” e, como o nome indica, é uma exposição onde estarão presentes as novas startups beneficiárias do programa, de modo a poderem apresentar os seus produtos com todo o pormenor. A Startup “Expo Area” decorre ao longo de todo o evento na zona de showroom da Microsoft Portugal e é acessível ao grande público.

Agora que entramos em 2019...

...é bom ter presente o importante que este ano pode ser. E quando vivemos tempos novos e confusos sentimos mais a importância de uma informação que marca a diferença – uma diferença que o Observador tem vindo a fazer há quase cinco anos. Maio de 2014 foi ainda ontem, mas já parece imenso tempo, como todos os dias nos fazem sentir todos os que já são parte da nossa imensa comunidade de leitores. Não fazemos jornalismo para sermos apenas mais um órgão de informação. Não valeria a pena. Fazemos para informar com sentido crítico, relatar mas também explicar, ser útil mas também ser incómodo, ser os primeiros a noticiar mas sobretudo ser os mais exigentes a escrutinar todos os poderes, sem excepção e sem medo. Este jornalismo só é sustentável se contarmos com o apoio dos nossos leitores, pois tem um preço, que é também o preço da liberdade – a sua liberdade de se informar de forma plural e de poder pensar pela sua cabeça.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Conteúdo produzido pelo Observador Lab. Para saber mais, clique aqui.
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: obslab@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)