O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) saudou neste sábado a seleção sub-17 que se sagrou campeã europeia, considerando que o título é reflexo da competência da equipa técnica e da coragem e ambição dos jogadores. “Este título é reflexo da competência e do espírito de sacrifício da equipa técnica e de todo o ‘staff’ da seleção nacional sub-17, mas também consequência da coragem, da ambição e do orgulho que estes jovens jogadores sentem ao representar a nossa bandeira”, afirmou Fernando Gomes, numa mensagem divulgada no sítio da FPF.

O líder federativo considerou também que o título, o sexto conseguido por Portugal em Europeus da categoria, é também resultado da aposta de fundo da FPF e dos clubes portugueses na formação”.

Fernando Gomes referiu ainda que o ano de 2016 “é quase impar” na história no futebol português, lembrando que o título de sub-17 junta-se à qualificação da seleção sub-19 para o Euro e ao apuramento para o torneio olímpico, e à participação da seleção principal no Euro, que se disputa em França entre 10 de junho e 10 de julho.

Após o empate 1-1 nos 80 minutos regulamentares, a seleção portuguesa venceu a Espanha nas grandes penalidades (5-4), numa final disputada no estádio 8 km, em Baku, no Azerbaijão.