O ex-ministro das Finanças Fernando Teixeira dos Santos disse esta terça-feira, no Estoril, que a prioridade em Portugal deve ser “destruir a incerteza”, criar regras estáveis e fomentar o investimento.

“Para mim, a prioridade agora é destruir a incerteza, dar às pessoas âncoras e regras estáveis de que podem ter expectativas para médio e longo prazo. Isso é crucial”, disse esta terça-feira Fernando Teixeira dos Santos, numa conferência sobre investimento imobiliário num hotel no Estoril, concelho de Cascais.

O ex-ministro das Finanças dos governos socialistas liderados por José Sócrates considerou ainda que “fomentar o investimento é o maior desafio da economia portuguesa“, em especial nos setores de bens e serviços transacionáveis, e destacou a importância que o crescimento do turismo e o investimento feito nesse setor tem representado para a economia portuguesa.

Tratem bem a galinha e não a estraguem”, disse o ex-governante e atualmente presidente executivo do angolano banco BIC.

À margem da conferência Portugal Real Estate Summit, o ex-governante recusou falar aos jornalistas sobre a criação de um novo imposto sobre o património imobiliário, que tem provocado polémica depois de na quinta-feira a deputada do Bloco de Esquerda Mariana Mortágua ter revelado que está a ser estudada uma taxação adicional para património imobiliário de elevado valor.