Gregory Porter, um dos grandes nomes da música jazz e soul da atualidade, é a primeira confirmação da 15ª edição do EDP Cool Jazz. Porter, que acaba de lançar o álbum de tributo Nat King Cole & Me, vai atuar no dia 20 de julho de 2018, nos Jardins do Marquês de Pombal, em Oeiras, anunciou a organização.

Porter atuou pela primeira vez em solo português em 2013, no Centro Cultural de Belém. Desde então, já voltou várias vezes em Portugal, incluindo ao Cool Jazz. Vencedor de dois Grammy Awards, um deles pelo álbum de estreia, Water (2010), lançou este ano Nat King Cole & Me, quinto disco de originais e sucessor de Take Me To the Alley. Composto sobretudo por temas clássicos de Nat King Cole, o álbum contou com a participação do maestro Vince Mendoza. Algumas músicas foram gravadas nos Capitol Studios, em Los Angeles, com um microfone que foi usado pelo próprio Cole, revelou Porter em entrevista ao Observador, este mês de novembro.

Sem Nat King Cole, a cantiga de Gregory Porter era outra

Além de Nat King Cole & Me, Gregory Porter promete tocar alguns temas mais antigos, como “Liquid Spirit”e “Hey Laura”, do álbum de 2013 Liquid Spirit, numa edição do EDP Cool Jazz que promete ser “a mais especial”, de acordo com a organização. Os bilhetes para o concerto custam entre 25 e 40 euros, e podem ser adquiridos no site do evento e nos locais habituais.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Criado em 2004, “com o objetivo de oferecer um evento turístico e cultural distinto a todos os amantes de música de gosto eclético mas sempre com uma forte componente cool“, o EDP Cool Jazz decorre todos os anos nos Jardins do Marquês de Pombal e no Parque dos Poetas, em Oeiras. Ao longo destes 14 anos, o evento recebeu mais de 30 mil espectadores. No ano passado, passaram por Oeiras nomes como Jill Scott, Seal ou Nouvelle Vague.