Depois de uma década de domínio repartido entre os dois “extraterrestres” do futebol mundial, Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, Luka Modric, médio do Real Madrid que ganhou a Liga dos Campeões e chegou à final do Mundial de seleções, tornou-se o primeiro croata de sempre a ganhar a Bola de Ouro num ano onde já tinha sido eleito o melhor para a UEFA e para a FIFA. No entanto, um ano depois, tudo voltou ao “normal” e com um marco histórico pelo meio: o argentino tornou-se de novo o jogador com mais troféus, com um total de seis.