O blackout dos Globos de Ouro já lá vai e nem o shutdown norte-americano levou Hollywood a vestir-se de negro (outra vez). No Shrine Exposition Center, a noite de domingo foi de cor. Kristen Bell foi a anfitriã dos Screen Actors Guild (SAG) Awards e deu o mote para uma passadeira vermelha vestida com todos os tons.

O branco predominou e as tonalidades claras e luminosas estiveram em maioria, enquanto as silhuetas longilíneas rivalizaram com uma quantidade inesperada de vestidos de baile. Houve lugar para o bom, para o mau, mas sobretudo para meios termos, looks que não sobem ao pódio das mais bem vestidas da noite, mas que também não foram descalabros totais.

Nicole Kidman, Margot Robbie e Samara Weaving acertaram na mouche (ou pelo menos foram as que estiveram mais perto disso). Kate Hudson atraiu para si todas as atenções ao usar aquele que talvez tenha sido o vestido mais horrendo da noite. Alison Brie, cunhada de James Franco e uma das nomeadas da noite, também deixou uma má impressão na passadeira vermelha.

Os Screen Actors Guild Awards são uma cerimónia anual que acontece em Los Angeles desde 1995. Na 24ª, são premiados os desempenhos de atores e atrizes em 15 categorias, nas áreas do cinema e da televisão.

Artigo atualizado às 12h53 do dia 22 de janeiro.