Startups

Innovation Station: uma competição cheia de tecnologia

Descubra quem são os vencedores da Innovation Station 2019. Uma iniciativa promovida pela Auchan Holding (em parceria com a Nova SBE), que assim se abre à inovação e agilidade das startups.

Solange Farinha não tem dúvidas quanto ao êxito do programa Innovation Station 2019, que nos últimos meses pôs em diálogo a Auchan e dezenas de startups de todo o mundo. A diretora de Cliente e Inovação da Auchan Retail Portugal entende que, desta forma, o grupo “está a abrir-se ao mundo e ao talento” e a aliar-se à “enorme flexibilidade e capacidade de adaptação das startups”.

Um desafio, várias respostas

A Innovation Station 2019 desafiou empresas muito jovens a apresentarem as melhores soluções para a área do comércio de retalho, tendo em vista a experiência de compra, a comunicação com os consumidores, o acesso destes a financiamento ou a produtividade e a sustentabilidade dentro da Auchan Holding. Surgiram nada menos do que 94 candidaturas com origens tão diversas quanto a Índia, o Paquistão, o Brasil, a Suécia, o Reino Unido, França ou Espanha.

Startup espanhola Coinscrap a fazer pitch para o júri da Matchmaking Marathon, na Nova SBE

E também Portugal. Daquelas 94, 36 apresentarem as suas ideias (pitches) na Nova SBE, em Carcavelos — através do Venture Lab, Centro para a Inovação e Empreendedorismo, catalisador da iniciativa. Vinte dessas ideias ficaram classificadas como wild cards, com propostas que, pela sua relevância e estado de desenvolvimento, foram dispensados das seguintes etapas do programa de codesenvolvimento. As empresas que apoiaram a iniciativa são a subsidiária portuguesa da Auchan Retail, a Ceetrus, e a sucursal em Portugal do Oney Bank – três empresas detidas pelo gigante francês Auchan Holding.

Propostas com valor

“Encontrámos de tudo um pouco, incluindo startups que ainda tinham as suas propostas pouco definidas, mas, na sua maioria, os candidatos apresentaram-nos produtos bem pensados que nos ajudam a acrescentar valor às nossas áreas de atuação e sobretudo, que nos trazem diferenciação”, explica Solange Farinha. “Com este programa, a Auchan tem acesso a um conjunto de talentos e de ideias novas, umas fora da caixa, outras menos, mas garantidamente vindas de startups capazes de se relacionarem connosco e de se tornarem nossas parceiras. Não procurávamos fornecedores de serviços, mas potenciais parceiros”, sublinha.

Depois dos pitches, 12 startups foram convidadas para uma Matchmaking Marathon — que decorreu a 11 e 12 de março, também na Nova SBE —, da qual resultaram seis vencedores. A saber:

– Heptasense: fundada em 2017, com sede em Lisboa, desenvolve software de Inteligência Artificial que permite conectar qualquer câmara de vigilância à sua plataforma, de maneira a analisar e extrair informação dos comportamentos dos consumidores;

– 2CX: criada em São Paulo em 2018, e representada em Portugal pela Opportunity Agreement, dedica-se à criação de tecnologia para redesenhar e aprimorar a jornada dos clientes e as suas experiências de atendimento.

– Visor.ai: lisboeta, fundada em 2016, utiliza chatbots e Inteligência Artificial para automatizar o serviço de atendimento ao cliente, sem necessidade de programação.

– Find & Order: criada em Paris, em 2015, desenvolve serviços de orientação indoor e mapeamento 3D para centros comerciais, aeroportos, entre outros, que permitem conhecer melhor as jornadas dos clientes.

– YOUSHIP: fundada em Coimbra, em 2015, é uma plataforma que interliga utilizadores e transportadoras, tornando o envio de encomendas tão natural como o envio de uma mensagem escrita.

– Fractal Mind: criada em 2015, em Lisboa, desenvolve soluções baseadas no Design Thinking e na Gamification para incentivar a transparência, a motivação, e a cooperação das equipas.

Estas startups foram agora convidadas para a fase de codesenvolvimento da Innovation Station, com início a 8 de abril e duração de 10 semanas. Todas elas recebem 10 mil euros de bolsa, que cobre custos e tempo dedicado ao programa. Têm oportunidade de implementar um projeto-piloto em contexto real, ou seja, integrado na atividade das empresas da Auchan Holding, além de acederem a mentores com profundo conhecimento da indústria, e a um espaço de incubação na Innovation Station do centro comercial Alegro Alfragide, na zona de Lisboa.

Inovação que complementa

“No Oney, temos já projetos inovadores dentro do banco e, agora, com esta iniciativa que apoiamos, teremos também acesso à inovação que vem de fora da organização. E isso é o mais importante”, diz Christophe de Pompignan, diretor geral do Oney Portugal. “O critério fundamental para a escolha dos vencedores foi pensar em que medida as propostas facilitam a vida ao cliente no momento da compra, em loja física ou online, e no serviço pós-venda.”

O mesmo responsável do Oney destaca que “uma parte importante do sucesso desta integração de soluções das startups dentro da empresa depende do envolvimento dos colaboradores”, porque, acima de tudo, esta é “uma iniciativa da empresa como um todo e não apenas da liderança, por isso as eventuais futuras implementações destes projetos continuarão a ser um trabalho de equipa”.

Por sua vez, o diretor geral da Ceetrus Portugal, Mário Costa, sublinha o benefício das startups em três frentes: “A nossa relação com os clientes, que pode ser potencializada; a otimização de recursos, a nível interno na empresa; e a área dos consumos energéticos”. Para Mário Costa, o Innovation Station põe em diálogo culturas empresariais muitos distintas, porque “faz a ponte entre as startups, que são muito ágeis e trabalham em torno da solução a que se propõem, e a Auchan Holding, que tem algumas barreiras quando se trata de inovar, tal como todas as grandes empresas”.

Competição a vários níveis

Solange Farinha está convicta de que a diferenciação da Auchan Holding tem, neste programa, um momento fundamental, e afirma que essa diferenciação passa por “tornar o grupo melhor do que a concorrência, claro, mas também por uma competição interna, no sentido de alcançar processos mais eficazes e produtivos, e de, por exemplo, extrair valor dos dados que temos disponíveis e que não estão a ser totalmente aproveitados”. Neste capítulo, a diretora de Cliente e Inovação da Auchan Retail Portugal garante que a segurança dos dados internos e dos dados fornecidos pelos clientes “é fundamental e uma preocupação máxima” do grupo.

Startups e empresas da Auchan Holding no final da Matchmaking Marathon, na Nova SBE

Esta foi a primeira edição da Innovation Station, programa herdeiro de uma outra iniciativa de 2016, então designada Auchan StartUp Scan. Segundo Mário Costa, outras edições estão a caminho. “É um processo que, a partir de agora, estará integrado na nossa forma de trabalhar”, resume.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Conteúdo produzido pelo Observador Lab. Para saber mais, clique aqui.
Partilhe
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: obslab@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)