Feira do Livro

Aquilino Ribeiro e um jogo de Quidditch: estes são alguns dos eventos da Feira do Livro de Lisboa

307

Falta pouco mais de uma semana para o início da Feira do Livro de Lisboa e algumas editoras já divulgaram parte da sua programação. Iniciativa da APEL regressa ao Parque Eduardo VII a 29 de maio.

A 89.ª Feira do Livro de Lisboa vai decorrer de 29 de maio a 16 de junho

Sara Matos / Global Imagens

A Feira do Livro de Lisboa vai regressar ao Parque Eduardo VII a 29 de maio para a sua 89.ª edição. O programa oficial ainda não foi anunciado, mas algumas das editoras já divulgaram alguns dos eventos que programaram até 16 de junho, último dia da iniciativa anual da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL).

Numa altura em que se assinalam os 100 anos da publicação de Terras do Demo, a Bertrand decidiu homenagear, no primeiro dia da Feira, o seu autor, Aquilino Ribeiro. Nesses dia, pelas 17h30, Aquilino Machado, neto de Aquilino Ribeiro, Paulo Neto, editor da revista Aquilino, e José António Borges, presidente da Junta de Freguesia de Alvalade, que escolheu homenagear o autor no âmbito da iniciativa “Alvalade Capital da Leitura”, estarão no espaço da Bertrand para falar do escritor nascido em Sernancelhe, em 1885.

Durante a sessão, será apresentada a nova edição de Terras do Demo (com prefácio de Ana Isabel Queiroz e ilustrações de Abel Manta), um romance que se passa no “coração da geografia sentimental de Aquilino Ribeiro”, no “lugar onde nasceu, que lhe marcou a juventude, e ao qual reiteradamente regressou”, referiu a editora. Foi, no entanto, em Lisboa que o autor morreu, em 1963.

A Bertrand e suas chancelas partilhará o espaço com o grupo Porto Editora, que anunciou que levará à Feira do Livro mais de 100 autores, entre os quais se contam Jeffrey Archer, Luis Sepúlveda, Maria Dueñas e José Eduardo Agualusa. A Porto Editora irá prestar homenagem a Sophia de Mello Breyner Andresen, cujos 100 anos do seu nascimento têm vindo a ser celebrados, através de uma sessão de leituras por Luís Lucas e Jorge Silva Melo, também a 29 de maio. A editora, responsável pela publicação da obra da autora, terá um pavilhão apenas para ela.

20 anos da edição portuguesa de Harry Potter celebrados com aulas de magia e Quidditch

Em 2019, celebram-se também os 20 anos da publicação em Portugal do primeiro livro da saga de J.K. Rowling, Harry Potter e a Pedra Filosofal. Determinada a não deixar passar a data em branco, a editora Presença começou o ano com o lançamento de uma edição especial com capas alusivas às quatro equipas de Hogwarts e agora, para a Feira do Livro, aliou-se ao Instituto de Magia Português, o maior clube de fãs português de Harry Potter, para apresentar uma programação pensada nos fãs do jovem feiticeiro.

Nos dias 1 de junho, entre as 17h e as 20h, e 9 de junho, entre as 15h30 e as 19h30, os potterheads poderão participar numa série de atividades relacionadas com o imaginário da saga, que incluem, entre outras, seleção da equipa com o Chapéu Selecionador, apanhar uma Snitch (a pequena e irrequieta bola dourada do jogo de Quidditch), transplantação de mandráguras e desgnomização do jardim. Quem participar nestas atividades, receberá um certificado do feiticeiro com a indicação das aulas frequentadas.

Mas as comemorações dos 20 anos de Harry Potter em Portugal não vão ficar por aqui: “As surpresas reservadas para os 20 anos em português de Harry Potter e a Pedra Filosofal irão estender-se ao longo de todo o ano”, garantiu a Presença em comunicado.

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)