A data é solene, o preto costuma predominar nos looks, e um pouco de discrição nunca fez mal a ninguém. Foi assim a toada durante os últimos dias em solo britânico, com a Família Real a assinalar o Remembrance Day desde quinta-feira passada e até este domingo. Vários foram os eventos no calendário do clã, que voltou a estar reunido depois das polémicas relevações saídas do documentário de Meghan e Harry à ITV. E se, um ou outro comentário à parte, tudo decorreu dentro da normalidade, com Markle a ocupar um papel menos destacado, justificável pela posição  na hierarquia, o Dia da Memória, marcado pelas papoilas na lapela, estava destinado a não terminar sem mais uma polémica.

Camilla Parker Bowles, a Rainha Isabel II e Kate Middleton estiveram lado a lado num dos momentos mais emotivos das comemorações. Meghan Markle juntou-se a Sophie, condessa de Wessex, num local de menor destaque @ Getty Images

Desta vez, a grande visada é Stella McCartney. A designer não deixou que estes dias de evocação de todos quanto que perderam a vida durante a I Grande Guerra passasse em claro. O problema, a avaliar pela caixa de comentários, que se encheu rapidamente de reações menos positivas, foi que a filha do ex-Beatle Paul aproveitou para juntar numa mesma publicação a efeméride e o casaco com a sua assinatura eleito pela duquesa de Sussex para um dos momentos, durante a passagem pelo Cenotáfio, o memorial fúnebre onde o clã real prestou o seu tributo.

À criadora britânica, conhecida pelo seu envolvimento nas causas ambientais (e entretanto também debaixo de fogo pelas ligações ao grupo Extinction Rebellion), de pouco serviu a anterior partilha nas suas redes — a imagem das simbólicas papoilas acompanhada da frase “Em memória de todos os que sacrificaram para nos dar liberdade x Stella”. Por esta altura, já os olhos estavam pregados no casaco de lã escolhido pela duquesa. E se a publicação soma mais de 44 mil gostos, os comentários mais acesos criticam Stella por esta combinação. “Este post é nojento. Este dia é sobre sacrifício e perda e não para um desfile de moda”, diz um. “Mau gosto, Stella! Fazer publicidade a um casaco num dia e cerimónia como estes. Muito mau gosto”, repara outro. Ou ainda: “Estás mesmo a fazer publicidade um num dia em que recordamos os mortos. Que vergonha”.

@ Chris Jackson – WPA Pool/Getty Images

Um dia antes, durante o tradicional Festival da Legião, celebrado no Royal Albert Hall, em Londres, as atenções estiveram centradas, mais uma vez, em Meghan, com o decote (para alguns demasiado generoso) e os luxuosos acessórios (como uns brincos de rubi avaliados em mais de 25 mil euros) a serem motivo de conversa. Para a ocasião, optou por um vestido de brocado da Erdem, que conjugou com uns saltos Aquazzura.