Um jantar, uma joia, um relógio, um perfume, uma peça de lingerie, uma caixa de bombons — ano após ano, o guião repete-se a 14 de fevereiro, à exceção, claro, daquelas parelhas que há muito renunciaram ao impulso romântico e consumista de trocar presentes no Dia dos Namorados. Para os outros, São Valentim continua a ser um padroeiro espetacular, apesar do pelo macio, do cheiro a rosas, da boca lambuzada de chocolate e do cartão de crédito que empunha. Neste caso, recorrer ao plafond não tem de ser uma opção. O santo tem 25 sugestões de presentes — para elas, para eles e outras para ambos –, a começar nos 10 euros. A lista desenrola-se até aos 450 euros, momento de pensar no amor e não no possível desfalque. Espreite todas as ideias na fotogaleria.