A jornalista da TVI, Ana Leal, anunciou esta sexta-feira que está de saída da TVI, numa publicação na rede social Facebook, na qual deixou uma série de agradecimentos a vários colegas e amigos de profissão.

“Moro num livro envelhecido pelo tempo. Hoje abri esse livro. As imagens sucedem-se. São a minha existência. O que vi. O que senti. O que ninguém poderá contar por mim. Nomes. Lugares. Pessoas. Rostos. Expressões. Montanhas. Vales. Cores. Cheiros. Medo. Esperança. Memórias. O que nunca me conseguirão tirar porque fui eu que escrevi essas linhas.Hoje chorei. Amanhã será outro dia”, começou por escrever a jornalista.

20 Anos de Tvi que chegaram ao fim. Moro num livro envelhecido pelo tempo. Hoje abri esse livro. As imagens…

Posted by Ana Leal on Friday, July 3, 2020

Na publicação Ana Leal aproveitou para agradecer à equipa que a acompanhou no seu programa da estação de Queluz e a outros amigos de profissão.

“A todos quero agradecer a fase mais feliz da minha vida enquanto jornalista. Voltaria a fazer tudo da mesma forma, com o orgulho de quem não verga a nenhum tipo de pressão”, concluiu.

A jornalista tinha sido suspensa da TVI no final do mês de maio por divulgar emails que trocou com a direção da informação do canal ao conselho de redação. Na altura, a TVI instaurou um inquérito interno e a jornalista foi alvo de um processo disciplinar.

Ana Leal suspensa da TVI por divulgar emails com a direção ao conselho de redação