“Desculpa, mas esta página não está disponível. A ligação que seguiste pode estar a funcionar incorretamente ou a página pode ter sido eliminada.” Foi com esta a mensagem que os fãs de Britney Spears se depararam ao tentar aceder ao perfil da cantora no Instagram. Não é erro, a página desapareceu definitivamente nesta terça-feira, 14 de setembro, e não houve qualquer comunicado oficial, ou mensagem de despedida, que explicasse o sucedido.

O timing está a dar cabo da cabeça dos fãs. Há dois dias, Britney usou o Instagram para anunciar o seu noivado com o ator Sam Asghari (o perfil do noivo continua ativo) e, na sua última publicação, a cantora usou a hashtag #FreeBritney — isto numa altura em que o seu pai finalmente aceitou deixar de ser seu tutor, depois de 13 anos em que a cantora teve a sua liberdade condicionada e controlada por Jamie Spears.

A última publicação de Britney

“Crescer num mundo onde basicamente tudo que fiz era controlado por outra pessoa, espero que essa mensagem chegue às pessoas que ficaram confusas e foram manipuladas pelo sistema. Não, você não está sozinho e você não é louco”, escreveu nessa mensagem. “As pessoas precisam saber disto antes que seja tarde de mais. Esperei 13 anos e a contar pela minha liberdade.”

Ainda a lutar pelo fim da tutela, Britney Spears está noiva de Sam Asghari

Britney ainda agradeceu aos fãs que deram visibilidade ao movimento #FreeBritney.

À procura de respostas, os fãs dirigiram-se às suas outras contas nas redes sociais. O Facebook permanecia mudo, como é habitual. O Twitter, idem, pelo menos durante as primeiras horas do desaparecimento da cantora do Instagram.

A imagem que o casal partilhou no Instagram. O perfil de Sam Asghari continua ativo

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A resposta está no Twitter

Foi perto das 11 da noite que Britney Spears tweetou uma curta mensagem. “Não se preocupem… estou apenas a tirar um tempo das redes sociais para celebrar o meu noivado. Volto em breve”, escreveu a cantora na sua conta oficial de Twitter.

Horas antes, o advogado da cantora, Mathew Rosengart, garantira ao Page Six que a decisão de largar as redes sociais durante algum tempo tinha sido da sua cliente e de mais ninguém.

Apesar disso, e como é costume na internet, não falharam as teorias da conspiração. Debaixo da publicação, em vez do habitual “Twitter for iPhone” surge “Twitter Web App” e isso foi visto como um sinal de que não foi Britney Spears a publicar a publicação com menos de 140 caracteres. No entanto, nem todos os fãs alinharam na teoria e houve quem respondesse que a explicação era simples: Britney está livre e decidiu trocar de telefone.

Britney Spears pede fim da tutela: “Estou traumatizada. Não estou feliz. Quero a minha vida de volta”