Festival Eurovisão da Canção

Salvador Sobral recebido e saudado no Parlamento

A Assembleia da República vai votar esta sexta-feira uma saudação pela vitória de Portugal no Festival Eurovisão, proposta por Ferro Rodrigues. Salvador vai estar na bancada e almoça com Ferro.

Salvador Sobral foi o primeiro português a ganhar a Eurovisão, com o tema "Amar pelos Dois"

SERGEY DOLZHENKO/EPA

A Assembleia da República vai votar, esta sexta-feira, uma proposta de saudação pela vitória de Salvador Sobral no Festival Eurovisão da Canção, avançada pelo Presidente, Eduardo Ferro Rodrigues.

A assistir à votação, que conta, à partida, com o consenso de todos os grupos parlamentares, estarão Salvador e Luísa Sobral, a convite de Ferro Rodrigues. Além dos dois irmãos, estará também presente o Presidente do Conselho de Administração da RTP, Gonçalo Reis.

Esta irá decorrer pelas 12h e será seguida por um almoço na Residência Oficial do Presidente da Assembleia da República. As declarações estão previstas para as 14h45, no átrio da mesma residência.

Salvador Sobral foi o grande vencedor da Eurovisão, que decorreu no sábado, em Kiev. O tema que interpretou, “Amar pelos dois”, escrito pela irmã, Luísa Sobral. De acordo com a agenda já anunciada, o primeiro concerto de Salvador Sobral depois da vitória no festival está marcado para este sábado, em Marco de Canavezes, no âmbito do Festival Confluências. A entrada é gratuita e sujeita à lotação do espaço.

Segundo a agenda já anunciada, o primeiro concerto de Salvador Sobral depois da vitória no festival acontece no sábado, no Marco de Canavezes, no âmbito do Festival Confluências, com entrada gratuita sujeita à lotação do espaço.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: rcipriano@observador.pt
Saúde da Mulher

Rastreios e outro direito a escolher

Maria João Marques

Concluímos que estas decisões existem para permitir que se gaste mais em salários no SNS. Menor controlo do cancro da mama pela melhor causa: o PS comprar uns tantos votos aos funcionários públicos.

Governo

Vítimas do seu sucesso?

Luís Aguiar-Conraria

Costa não está a ser vítima do seu sucesso: está a ser vítima da hipocrisia do seu discurso. O facto de o Governo não repor as carreiras é a demonstração de que os cortes na despesa foram necessários.

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site