O alemão Nico Rosberg (Mercedes) parte domingo na “pole position” do Grande Prémio do Mónaco em Fórmula 1, sexta corrida da temporada, à frente do seu colega de equipa e líder do mundial, o britânico Lewis Hamilton.

Rosberg, vencedor da prova do ano passado, obteve a melhor volta na última sessão de qualificação, com 1.15,989 minutos, naquela que é a sexta “pole position” da sua carreira e a segunda na época, depois do Bahrein.

Na primeira linha da grelha partem, assim, os dois pilotos da Mercedes, os mesmos que ocupam os lugares cimeiros do Mundial: Hamilton é líder (100 pontos, quatro vitórias e um abandono) e Rosberg é segundo (97, um triunfo e quatro segundos lugares).

Na segunda “linha” no Mónaco estarão os dois pilotos da Red Bull, Daniel Ricciardo e Sebastien Vettel, o tetracampeão mundial em título.

O australiano Ricciardo, contratado para companheiro de equopa de Vettel (quarto no Mundial, com 45 pontos), pareceu hoje estar a adaptar-se melhor do que o alemão ao motor Renault, o que lhe poderá dar algumas hipóteses para a corrida de domingo.

Na terceira linha de saída para o Grande Prémio estarão os dois Ferrari, pilotados por dois ex-campeões mundiais, o espanhol Fernando Alonso (1.16,686 minutos) e o finlandês Kimi Raikkonen (1.17,389).