O Tribunal de Comércio do Luxemburgo aceitou o pedido de gestão controlada da Rioforte e da Espírito Santo Financial Group, holding que gere as participações financeiras do grupo e dona de mais de 20% do BES.

Em comunicado colocado na sua página na Internet, o Tribunal informa ainda que a vice-presidente do tribunal Anick Wolff foi designada como a juiz responsável para acompanhar e relatar ao tribunal a situação das duas holdings.

No dia 22 deste mês, o mesmo tribunal tinha aceitado o mesmo pedido por parte da Espírito Santo Internacional (ESI), a primeira das holdings a dar problemas publicamente e que levou a uma auditoria mais profunda do grupo por ordem do Banco de Portugal.