O treinador português José Mourinho, do Chelsea, considerou esta terça-feira que conquistar a Liga dos Campeões de futebol por três clubes seria “um feito único”

“Esta competição faz parte da minha história e eu faço parte da história dela. Vencer por três clubes seria único”, afirmou Mourinho, que já se sagrou campeão europeu de clubes ao serviço de FC Porto e Inter Milão.

Na antevisão do encontro de quarta-feira com o Schalke 04, do Grupo G — que integra também o Sporting — Mourinho assumiu a vontade de voltar a vencer, mas lembrou que agora o importante é passar a fase de grupos.

“Se quero vencer outra vez? Claro que quero, mas agora quero que passemos a fase de grupos”, disse.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O técnico português desvalorizou o facto de a equipa germânica estar a ter uma fraca prestação na Bundesliga, com apenas um ponto em três jogos.

“Empataram com o Bayern Munique, perderam na última jornada por 4-1, mas não acredito que isso possa ter consequências na Liga dos Campeões, disse.

José Mourinho considerou que a fase de grupos da liga milionária “é uma pequena competição, de quatro equipas, composta por seis jogos, em que tudo é diferente”.

O Chelsea, que lidera a Liga inglesa com o pleno de vitórias em quatro jornadas, recebe na quarta-feira a equipa alemã, sem “baixas” no plantel.

A 30 de setembro, na segunda jornada do Grupo G, a formação inglesa visita o Sporting, que esta quarta-feira defronta na Eslovénia o Maribor.