A francesa Altice avançou este domingo à noite com uma oferta vinculativa de 7.025 milhões de euros para comprar os ativos da PT Portugal.  A informação foi divulgada no site da empresa, depois de na sexta-feira o presidente, Dexter Goei, ter adiantado que a oferta estaria “para breve”.

Segundo o comunicado, os ativos que a Altice quer comprar são aqueles que “compreendem o negócio da Portugal Telecom fora de África” e exclui os títulos de dívida da Rio Forte, as ações da Oi e os veículos financeiros da Portugal Telecom.

“A oferta que a Altice submeteu avalia estes ativos em 7.025 milhões de euros, que incluem os ganhos futuros de 400 milhões de euros relacionados com a geração de receitas da Portugal Telecom e de outros 400 milhões de euros relacionados com a futura geração de fluxo de caixa livre operacional (EBITDA menos Capex)”, lê-se no comunicado.

A empresa francesa refere ainda que se a proposta for aceite, a transação de dívida financeira e outros ajustes de preço de compra vão ser financiados por dívida nova e dinheiro em caixa da Altice.

Na sexta-feira, a Altice já tinha admitido lançar uma oferta pela PT Portugal “em breve”, dizendo que não iam “fazer grandes revoluções no negócio” e que iriam trazer “apenas” as práticas que considerava serem as “melhores”. Dexter Goei, presidente executivo da Altice, garantiu, em entrevista ao Diário Económico, que não quer a PT para “desmantelar a empresa”