No domingo à noite, quando as estrelas abrirem o envelope dourado e retirarem o cartão com o nome do vencedor, tudo o que o público vai ver é o vermelho das costas do cartão. Para satisfazer a curiosidade dos cinéfilos de todo o mundo, a Academia mostrou à imprensa os envelopes por inteiro, desde o momento em que são preparados nos bastidores.

7 fotos

É a 87.ª cerimónia de entrega de Óscares, mas a introdução dos envelopes para anunciar os vencedores começou há 75 anos, por motivos de segurança, para evitar que a imprensa publicasse antes do tempo os nomes dos vencedores, como fez o Los Angeles Times em 1939. Assim, em 1940, nasceram os famosos envelopes.

Há cinco que o designer Marc Friedland é o responsável pelo desenho personalizado de cada envelope e todos os nomeados têm direito a um. Depois, todos são entregues a Brian Cullinan e Martha L. Ruiz, da auditora PricewaterhouseCoopers. São eles que contam os boletins de voto em nome da Academia de Ciências e Artes Cinematográficas e depois destroem os envelopes com os nomes dos que não venceram. Brian e Martha serão os únicos a conhecer os vencedores antes de estes serem anunciados na cerimónia.

Em Portugal, a cerimónia dos Óscares começa a ser transmitida na SIC a partir da meia-noite de domingo para segunda-feira, com comentários em português. Na SIC Caras (canal 14 na NOS) a cerimónia será transmitida na íntegra à mesma hora, mas na versão original, tal como será exibida nos Estados Unidos, sem locução, tradução ou dobragem em português.