O economista-chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), Olivier Blanchard, deixará o cargo a partir de setembro para integrar o Peterson Institute for International Economics, anunciou  a instituição.

Blanchard, 66 anos, assumiu funções no FMI em 2008 e vai sair a 30 de setembro. O seu sucessor ainda não foi designado.

Em comunicado, a diretora-geral do FMI, Christine Lagarde, afirma que “sendo um dos melhores macroeconomistas do mundo, Olivier Blanchard esteve na primeira linha da resposta do Fundo à crise financeira internacional e estimulou a reflexão sobre a política macroeconómica”.

Olivier Blanchard tem nacionalidade francesa, mas a sua carreira profissional tem decorrido sobretudo nos Estados Unidos.

O economista tinha presença marcada para o Fórum do BCE que vai ter lugar no final da próxima semana em Lisboa.

 

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR