O tenista português João Sousa foi eliminado pelo britânico Andy Murray, número três mundial, na segunda ronda de Roland Garros, segundo ‘Grand Slam’ da temporada, por 6-2, 4-6, 6-4, 6-1.

Ao sexto encontro entre ambos, João Sousa, 44.º do ‘ranking’ mundial, conseguiu pela primeira vez vencer um ‘set’ a Murray, mas acabou por perder ao fim de duas horas e 30 minutos, repetindo a derrota com o britânico num torneio do ‘Grand Slam’, depois de já ter sido afastado no Open da Austrália.

Na próxima ronda, Murray vai defrontar o australiano Nick Kyrgios, finalista vencido do Estoril Open, que se apurou graças à desistência do britânico Kyle Edmund.

 

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR