A tenista portuguesa Michelle Larcher de Brito qualificou-se hoje para a segunda ronda do torneio de qualificação do Open da Austrália, primeiro ‘Grand Slam’ da temporada, que começa oficialmente a 18 de janeiro.

A única representante portuguesa no ‘qualifying’ feminina – de regresso aos ‘courts’ após uma lesão no pulso direito, contraída em junho do ano passado – venceu a neozelandesa Marina Erakovic, 138.ª jogadora mundial, em três ‘sets’, pelos parciais de 0-6, 6-4 e 7-6, em duas horas e 42 minutos.

Michelle Larcher de Brito, de 22 anos, ocupa atualmente a 222.ª posição da hierarquia WTA e está a jogar o ‘Grand Slam’ australiano com ‘ranking’ protegido.

Na segunda ronda, a portuguesa defrontará a norte-americana Maria Sanchez, classificada na posição 191 do circuito mundial.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

No único confronto entre ambas, no torneio de Albuquerque de 2012, nos Estados Unidos, venceu a norte-americana.

Também hoje, a organização do Open da Austrália, confirmou que o tenista português João Sousa será o 32.º cabeça de série do quadro de singulares masculinos.

Apesar de figurar na 33.ª posição do ‘ranking’ mundial, o número um português beneficiou da ausência, por lesão nas costas, do francês Richard Gasquet, nono da hierarquia, para entrar no grupo de 32 pré-designados da prova, que se disputa entre 18 e 31 de janeiro.

No topo da lista masculina figura o sérvio Novak Djokovic, atual campeão e à procura do sexto título na Austrália, tal como a norte-americana Serena Williams, que venceu em 2015 e também tem no currículo cinco troféus em Melbourne.