A FIFA abriu processos disciplinares à Irlanda do Norte e País de Gales por terem exibido papoilas vermelhas, em homenagem aos soldados mortos e feridos na I Guerra Mundial, na última jornada de apuramento para o Mundial de 2018.

Estes dois procedimentos seguem-se aos instaurados a 17 de novembro, pelo mesmo motivo, à Inglaterra e à Escócia, que também usaram papoilas vermelhas no jogo que disputaram a 11 de novembro, em Wembley, que os ingleses venceram por 3-0, para o grupo F.

No mesmo dia, a Irlanda do Norte goleou em casa o Azerbaijão por 4-0, no grupo C, enquanto o País de Gales recebeu a Sérvia, em jogo do grupo D, que terminou empatado 1-1.

As papoilas vermelhas são usadas no Reino Unido no chamado Remembrance Day, ou Dia da Memória, a 11 de novembro, para comemorar o fim da I Guerra Mundial. É habitual os jogadores de futebol da liga inglesa associarem-se à iniciativa, exibindo as papoilas no equipamento. No entanto, o regulamento da FIFA proíbe as equipas de utilizarem símbolos políticos, religiosos ou comerciais durante os jogos.