Rádio Observador

Dicas Auto

Cheira a Verão. Quer um roadster bom, bonito e barato?

Já estamos na Primavera, pelo que dispara a vontade de circular a dois num descapotável ágil, desportivo e lindo de morrer. Convinha-lhe que também fosse acessível? Veja aqui quais são as suas opções.

Abaixo de 44 mil euros, há quatro roadsters que lhe podem encher as medidas. E dois deles são comercializados por valores até 28 mil euros

Já cheira a Verão! Esta é a altura do ano em que, para quem gosta de descapotáveis, começa a “apertar” a vontade de circular de capota recolhida e, como aclamam os condutores com maior veia poética, com o vento a moldar-nos o cabelo e o sol a acariciar-nos a pele. Mas, já agora, porque não fazê-lo com estilo, a bordo de um modelo com espírito desportivo, comportamento ágil, com espaço para apenas dois e uma bagageira que acompanhe as necessidades de umas miniférias? Acha que é pedir muito? Pois, saiba que pode cumprir este “caderno de encargos” sem, no entanto, perder a cabeça – que é como quem diz, estourar o orçamento familiar.

Se procura um roadster bom, bonito e barato, o Observador dá-lhe uma ajuda, oferecendo-lhe uma ferramenta que lhe facilita a vida, ajudando a sistematizar as diferentes opções que existem actualmente no mercado. Chama-se Comparador e foi desenhada a pensar nos leitores que, conhecendo já a oferta dos diferentes construtores, estão sobretudo interessados em colocar todos os modelos capazes de o satisfazerem lado a lado, para que seja óbvio onde começam as vantagens de uns e terminam as dos outros.

Voltando aos roadsters, há, essencialmente, sete abaixo da fasquia dos 85 mil euros, sendo que dois deles – o Alfa Romeo 4C Spyder e o Porsche 718 Boxster – são nitidamente mais caros do que os restantes, o que os coloca de fora do âmbito deste exercício comparativo. Não lhes faltam argumentos, nem atributos, mas o conceito de roadster acessível é elástico, mas não tanto.

Os restantes cinco descapotáveis têm os seus preços situados entre os 25 e os 44 mil euros, valores bem mais interessantes e que englobam, respectivamente, o Mazda MX-5 com motor 1.5, o Fiat 124 Spider 1.4 Turbo, o Abarth 124 Spider 1.4 Turbo, o Mercedes SLC 180 e o BMW Z4 18i. Seleccionando os quatro modelos mais em conta, grupo de onde o leitor retirará o “tal” roadster que deve ser bom, bonito e barato, ficamos com as propostas da Mazda, Fiat, Abarth e Mercedes, com as duas primeiras a serem, de longe – de muito longe – as mais acessíveis, sendo que são propostas entre 25 e 28 mil euros, ao passo que o Abarth exige o desembolso de 42.000€, e o Mercedes não sai do concessionário por menos de 43.250€.

Resta-lhe agora recorrer à tabela que o Comparador lhe fornece, onde figuram as principais características de cada modelo, do motor e potência à capacidade de aceleração e ao consumo, passando pelo comprimento, peso e dimensão da mala. E, claro está, o preço.

Quer saber mais detalhes? Basta clicar em cima de cada modelo para ter acesso à respectiva ficha completa. Compare e decida, na posse de toda a informação.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)