O motard português Paulo Gonçalves (Honda) é o novo líder do Abu Dhabi Desert Challenge, prova da Taça do Mundo de todo o terreno, depois de ficar esta quara-feira em terceiro lugar na quarta etapa.

Gonçalves terminou o quarto dia no terceiro posto, com o tempo de 03:43.49 horas, atrás em mais de cinco minutos do vencedor, o argentino Kevin Benavides (Honda), e três minutos do segundo, Pierre Alexander Renet (Husqvarna).

Na classificação geral, o português passou para o comando, com uma vantagem de 33,8 segundos sobre o austríaco Matthias Walkner (KTM) e de mais de um minuto sobre Renet, com Sam Sunderland (KTM) e Pablo Quintanilla (Husqvarna) muito próximos na quarta e quinta posições da geral.

Motard português Paulo Gonçalves em quarto na terceira etapa do Abu Dhabi Desert Challenge

Em declarações ao sítio oficial do rali na Internet, o motard disse ter feito “tudo o que podia” para se tornar o líder da prova a um dia do final, com uma luta a cinco em perspetiva para os quilómetros decisivos. “Vou dar o meu melhor. Sei que não partirei de uma posição fácil, mas ainda teremos 220 quilómetros pela frente e a mota tem estado perfeita”, acrescentou Gonçalves, que espera uma última etapa “mais rápida do que o normal e com muitas dunas no meio”, o que, considerou, o coloca em desvantagem em relação aos outros pilotos.

A última etapa, marcada para quinta-feira, tem a extensão de 220 quilómetros cronometrados.