Depois do anúncio do batismo, as especulações sobre os padrinhos. O príncipe Louis, filho de William e Kate, vai ser batizado a 9 de julho, mas quem serão os escolhidos para este papel tão especial? As apostas já começaram e Meghan Markle está longe de ser a escolhida.

É certo que os duques de Cambridge vão anunciar os padrinhos no dia da cerimónia, mas até lá as dúvidas são muitas. À semelhança do que aconteceu com os outros filhos — o príncipe George, de quatro anos, e a princesa Charlotte, de três –, o casal deve optar por escolher alguns dos amigos mais próximos, ao invés de dar esta honra a membros da família. No batizado dos primeiros filhos, a escolha nunca recaiu, por exemplo, sobre o príncipe Harry, que, diga-se de passagem, já é com certeza um ótimo tio para as crianças.

Tal como com George e Charlotte, [William e Kate] escolheram amigos próximos e assessores de confiança, em vez de familiares próximos, e as apostas sugerem que o mesmo vai acontecer com o pequeno príncipe Louis”, explicou Jessica Bridge, da casa de apostas britânica Ladbrokes, à revista People.

De acordo com a Ladbrokes, na lista de possíveis escolhas constam a antiga ama de Harry, Tiggy Pettifer, e o antigo assistente de William, Miguel Head — um dos funcionários em quem o príncipe William mais confia. Também Laura Lopes, filha de Camilla, duquesa da Cornualha, e do príncipe Carlos pode vir a ser escolhida para acompanhar a vida do pequeno Louis.

Mas a lista não fica por aqui: Rebecca Priestley, antiga assistente privada de Kate, que a ajudou durante os primeiros seis anos de casamento com Harry (entre 2011 e 2017) pode ser uma possibilidade. Na corrida para desempenhar este papel estão também David Jardine-Patterson, marido de Emilia, uma das madrinhas do príncipe George, bem como Hugh van Cutsem, irmão do padrinho do filho mais velho dos duques.

Da lista, contam ainda os nomes das irmãs da princesa Diana — Jane Fellowes e Sarah McCorquodale –, os dos irmãos de Kate — Pippa e James Middleton –, e Beatrice, Eugenie e Maria Turrion Borrallo. O batizado do príncipe Louis vai realizar-se na capela real do Palácio de St. James, em Londres e a celebração vai ser presidida pelo arcebispo da Cantuária. Louis é o terceiro filho dos duques de Cambridge e o quinto na linha de sucessão ao trono.