Os rivais Benfica e Sporting, o clube do coração chamado Real Madrid e a Real Federação Espanhola de Futebol pela qual ganhou um Campeonato do Mundo e dois campeonatos da Europa como capitão, os ex-companheiros Cristiano Ronaldo, Luís Figo e Sérgio Ramos e o tenista Rafa Nadal — todos estão ao lado de Iker Casillas e transmitiram desejos de melhoras pelas redes sociais e uma rápida recuperação depois do enfarte do miocárdio diagnosticado esta quarta-feira ao futebolista espanhol.

Sérgio Conceição, atual treinador do FC Porto, desejou as melhoras a Iker Casillas, considerando-o “um campeão desde sempre”. “Desejo as rápidas melhoras nesse coração vencedor”. A ele juntaram-se outros jogadores da equipa dos azuis e brancos: Óliver Torres, que visitou Casillas no hospital, Pepe e Alex Telles.

Companheiro do guarda-redes no Real Madrid onde conquistaram vários títulos, Cristiano Ronaldo reagiu no Twitter à notícia do doença de Casillas. Em espanhol, Ronaldo desejou “muita força” ao seu “amigo” e desejou que recupere o mais depressa possível.

José Mourinho, o ex-treinador do Real Madrid com quem Casillas teve problemas, não ficou indiferente às notícias sobre a doença de Casillas. De acordo com o jornal Record, Mourinho terá transmitido uma mensagem de melhoras para o guarda-redes através de Luís Gonçalves, diretor-geral do futebol para o FC Porto.

Também Luís Figo, seu ex-companheiro no Real Madrid, desejou “muita força” ao seu “amigo” através do Twitter.

O Sporting recorreu às redes sociais para desejar que o guarda-redes “recupere e volte rápido” o Benfica, através de um comunicado assinado por Luís Filipe Vieira, desejou “rápidas melhoras” ao “atleta de eleição.

Outro clube a manifestar-se é o Manchester United, que deseja a Iker Casillas, através do Twitter, “uma rápida recuperação”.

A notícia do enfarte de Casillas provocou reações de outros atletas. Rafa Nadal foi dos primeiros a enviar um “abraço enorme” ao guarda-redes e também Sergio Ramos, antigo colega de equipa de Casillas no Real Madrid e na seleção espanhola, identificou o jogador numa publicação no Twitter e acrescentou emojis de oração.

Os próprios merengues, também via comunicado oficial, transmitiram “todo o seu apoio ao seu querido capitão”.

“Iker Casillas ensinou-nos durante toda a sua carreira profissional a superar os mais incríveis desafios para engrandecer a glória do nosso clube. Ensinou-nos que rendermo-nos não cabe na nossa filosofia de vida e demonstrou-nos incontáveis vezes que ser mais forte quanto mais duro for o desafio é o caminho para alcançar a vitória. O Real Madrid e o madridismo desejam ver o seu eterno capitão recuperado o quanto antes e enviam-lhe todo o ânimo do mundo”, pode ler-se na nota divulgada no site do clube espanhol. Também a FIFA enviou “rápidas melhoras” a Casillas, assim como a Real Federação Espanhola de Futebol.

Também o Barcelona, o rival do Real Madrid, onde Iker Casillas jogou durante muitos anos, publicou uma mensagem onde deseja a “total recuperação” do guarda-redes.

Ao comunicado juntam-se os votos de melhoras da FIFA e da Seleção Espanhola de Futebol que, também via Twitter, publicaram as mensagens juntamente com fotografias de Iker Casillas de taça na mão.

A imprensa internacional, com especial relevância para a espanhola, já está a reagir ao problema de saúde de Iker Casillas. O jornal Marca abre precisamente com a notícia e diz que o guarda-redes está “internado após sofrer um enfarte no treino” e o AS também coloca o assunto enquanto tema principal, escrevendo que Casillas foi “internado de urgência devido a um problema cardíaco”.

Aos clubes e jogares já referidos juntam-se as mensagens de muitos outros, incluindo o Manchester City e o Chelsea FC.