Rádio Observador

Eleições

Eleições: Fernando Ruas encabeça lista do PSD por Viseu, Sónia Ramos por Évora

Fernando Ruas é candidato por Viseu. Sónia Ramos por Évora. Filipa Roseta em Lisboa e Hugo Carvalho pelo Porto. PSD apresenta 16 cabeças de lista que nunca estiveram nesta posição e cinco repetentes.

O antigo presidente da Associação Nacional de Municípios, Fernando Ruas, vai encabeçar a lista do PSD pelo distrito de Viseu

NUNO ANDRÉ FERREIRA/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

O antigo presidente da Associação Nacional de Municípios, Fernando Ruas, vai encabeçar a lista do PSD pelo distrito de Viseu, enquanto Sónia Ramos, presidente da distrital, vai liderar a lista por Évora, informou fonte oficial do partido.

Nos círculos da emigração, Carlos Gonçalves, volta a ser o cabeça de lista pela Europa e José Cesário encabeça novamente a lista Fora da Europa, afirmou fonte do gabinete de comunicação do PSD, antes do arranque da reunião preparatória da campanha do PSD para as legislativas de outubro, que decorre em Condeixa-a-Nova, distrito de Coimbra.

Fernando Ruas foi presidente da Câmara de Viseu durante 24 anos, entre 1989 e 2013, foi eurodeputado e assumiu a liderança da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) entre 2002 e 2013.

O histórico autarca social democrata encabeça agora a lista do PSD pelo círculo eleitoral de Viseu, que tinha sido liderada nas legislativas de 2015, aquando da coligação do PSD com o CDS-PP, por António Leitão Amaro.

A jurista e presidente da distrital do PSD de Évora, Sónia Ramos, é a escolha de Rui Rio para cabeça de lista do partido naquele distrito do Alentejo, substituindo assim o atual deputado eleito por Évora, António Costa da Silva.

O cabeça de lista pela Europa, Carlos Gonçalves, foi secretário de Estado das Comunidades no Governo de Santana Lopes, e José Cesário, que lidera a lista Fora da Europa, é deputado desde 1983, tendo sido secretário de Estado nos Governos de Santana Lopes, Durão Barroso e Passos Coelho.

Dos 21 cabeças de lista já conhecidos no PSD, 16 nunca ocuparam esta posição de ‘número um’ e cinco são repetentes (Carlos Peixoto, Adão Silva, Luís Leite Ramos, José Cesário e Carlos Gonçalves).

Apenas sete são atualmente deputados (Adão Silva, Carlos Peixoto, Cristóvão Norte, Margarida Balseiro Lopes, Luís Leite Ramos, José Cesário e Carlos Gonçalves).

Por Lisboa, será cabeça de lista a vereadora da Câmara de Cascais Filipa Roseta; pelo Porto o presidente do Conselho Nacional de Juventude, Hugo Carvalho; por Leiria, a deputada e líder da JSD Margarida Balseiro Lopes; por Aveiro, a investigadora universitária Ana Miguel Santos (que tinha sido candidata a eurodeputada no 8.º lugar na lista do PSD); por Braga, o vogal da Comissão Política Nacional e vereador em Guimarães André Coelho Lima; e por Coimbra, a advogada Mónica Quintela, porta-voz para a Justiça do Conselho Estratégico Nacional.

Henrique Silvestre Ferreira, engenheiro agrónomo, vai ser o cabeça de lista do PSD por Beja; Cláudia André, geógrafa, professora e vogal da Comissão Política, por Castelo Branco; o vereador da Câmara de Setúbal Nuno Carvalho pelo seu distrito; e Isaura Morais, presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, por Santarém.

O vice-presidente da bancada do PSD volta a ser cabeça de lista por Bragança, o deputado Luís Leite Ramos volta a ser ‘número um’ por Vila Real, e, em Viana de Castelo e Portalegre, o partido aposta novos rostos, com o presidente da Câmara Municipal de Valença, Jorge Mendes, e o líder da distrital de Portalegre, António José Miranda, respetivamente.

Os deputados Carlos Peixoto e Cristóvão Norte confirmaram à Lusa que encabeçarão as listas do PSD pelos círculos da Guarda e Faro, respetivamente.

Também os Açores já aprovaram o cabeça de lista pela Região Autónoma: o engenheiro eletrotécnico Paulo Moniz, natural da ilha de São Miguel.

Não queremos ser todos iguais, pois não?

Maio de 2014, nasceu o Observador. Junho de 2019, nasceu a Rádio Observador.

Há cinco anos poucos acreditavam que era possível criar um novo jornal de qualidade em Portugal, ainda por cima só online. Foi possível. Agora chegou a vez da rádio, de novo construída em moldes que rompem com as rotinas e os hábitos estabelecidos.

Nestes anos o caminho do Observador foi feito sem compromissos. Nunca sacrificámos a procura do máximo rigor no nosso jornalismo, tal como nunca abdicámos de uma feroz independência, sem concessões. Ao mesmo tempo não fomos na onda – o Observador quis ser diferente dos outros órgãos de informação, porque não queremos ser todos iguais, nem pensar todos da mesma maneira, pois não?

Fizemos este caminho passo a passo, contando com os nossos leitores, que todos os meses são mais. E, desde há pouco mais de um ano, com os leitores que são também nossos assinantes. Cada novo passo que damos depende deles, pelo que não temos outra forma de o dizer – se é leitor do Observador, se gosta do Observador, se sente falta do Observador, se acha que o Observador é necessário para que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia, então dê o pequeno passo de fazer uma assinatura.

Não custa nada – ou custa muito pouco. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Combustível

O mundo ao contrário /premium

João Pires da Cruz

Se o seu depósito é mais importante do que aquilo que os pais deste bebé sentiram quando lhes disseram que o filho deles morreu instantes depois do nascimento, é porque tem o mundo ao contrário.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)