Quando tinha apenas 19 anos, um corpo franzino de quem parece que não faz mal a ninguém (e o sorriso de miúdo também ajuda nessa descrição) e um currículo que poucos conheciam, Gelson Dala era um ponto de interrogação quando chegou a Alcochete. Estávamos no início de 2016, tinha acabado de ser campeão pelo 1.º de Agosto como melhor marcador mas não era propriamente um nome muito falado – e até a vestimenta com que Ary Papel, outro angolano que chegou com ele, se apresentou no aeroporto lhe retirou protagonismo. No entanto, e em 17 jogos na equipa B do Sporting, numa Segunda Liga exigente (ainda mais para quem estava a conhecer a primeira aventura europeia), conseguiu marcar 13 golos. Pelo menos prometia. Quatro anos e meio depois, ainda não confirmou esse registo em Alvalade. Até porque não teve oportunidades para isso. E teria valido a pena.

Carvalhal e uma equipa do Rio Ave que é digna de muitos vídeos no TikTok por aquilo que joga (e pelos recordes que bate)

À exceção dos primeiros seis meses da presente temporada onde o empréstimo aos turcos do Antalyaspor não correu bem, o rendimento que conseguiu no Rio Ave, a quem está cedido pela terceira vez, mostra que é um jogador com características diferentes, um avançado móvel que sai para construir, sabe ligar corredores e tem faro de golo jogando sozinho ou em dupla na frente. Esta noite, num jogo com uma primeira parte de loucos com cinco golos em 20 minutos, voltou a exibir essas mais valias. E formou, a par de Nuno Santos, aquele mesmo Nuno Santos que todos criticaram após a expulsão frente ao Benfica mas que voltou a mostrar que tem demasiado futebol para se ficar por uma noite infeliz, uma parelha fortíssima nos vila-condenses que se juntou ao goleador mais pretendido de Portugal, Taremi. No melhor encontro da retoma, os visitados venceram o Sp. Braga por 4-3, subiram ao quinto lugar e estão apenas a três pontos de um conjunto minhoto que continua a ceder.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.