Há cerca de duas semanas, já depois de o regresso de Jorge Jesus ao Benfica estar confirmado e de a consequente saída do Flamengo estar também decidida, as notícias dos jogadores que o treinador poderia levar consigo na travessia transatlântica começaram a surgir. Logo à partida, as mais óbvias, sobre elementos dos próprios rubro-negros, com Gerson e Bruno Henriques a aparecerem na linha da frente. Depois, foi dado o passo seguinte, com as notícias sobre jogadores de outros clubes brasileiros que Jesus queria resgatar para trazer para Portugal.

Entre todos, o nome mais comentado foi o de Everton Cebolinha, avançado do Grémio e um dos eleitos do treinador português para reforçar o ataque do Benfica. Mas outro brasileiro, ainda que sempre mais na retaguarda, foi surgindo com frequência na rota dos encarnados – Gilberto, lateral direito do Fluminense que terá impressionado Jorge Jesus nos recentes jogos na Taça Rio e na final do Campeonato Carioca. Precisamente há duas semanas, altura em que a ideia de uma equipa do Benfica montada pelo novo técnico começava a ganhar forma, o UOL garantia que Jesus tinha recomendado a contratação de Gilberto tanto ao Flamengo, enquanto ainda estava no Brasil, como ao Benfica, já depois de aceitar a proposta de Luís Filipe Vieira. Ainda assim, o jornal brasileiro indicava que nem um nem outro clube tinham feito aproximações pelo lateral.

Reforço de luxo para o Benfica: Everton Cebolinha a caminho da Luz (mas antes joga a final do Campeonato Gaúcho)

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.