Depois de ter estado a perder e ter virado o resultado logo na primeira parte, o Sporting conquistou o primeiro título da temporada, vencendo a Supertaça Cândido de Oliveira ao derrotar este sábado o Sporting de Braga por 2-1. A partida também ficou marcada pelo regresso dos festejos dos adeptos, que voltaram às bancadas depois de 16 meses.

O jogo começou com o domínio do Braga. A primeira chance do jogo pertenceu aos arsenalistas com Ricardo Horta a cruzar para Abel Ruiz, que acabou por chutar para fora. Aos 20 minutos, os minhotos conseguiram adiantar-se no marcador com Ricardo Horta a descobrir Fransérgio, que rematou cruzado. A bola ainda bateu no poste mas acabou mesmo por entrar.

Contudo, a vantagem do Braga durou pouco — aos 29 minutos, Nuno Mendes desmarca Jovane, que, na cara do guarda-redes arsenalista, rematou para o golo. A partir daí, o Sporting foi melhorando a sua exibição: aos 33 minutos, Nuno Mendes cruza para Pedro Gonçalves, que falhou por pouco.

Não chegou aos 33, chegou aos 43 minutos. O Sporting conseguiu dar a volta ao resultado com uma trivela de Pedro Gonçalves,, após um passe pelo ar de Matheus Nunes.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Na segunda parte, a partida começou mais amena com o Sporting de Braga a tentar empatar, mas foram os leões que mais perto tiveram de marcar o terceiro: Nuno Mendes marcou um livre perigoso que acertou na malha lateral e, aos 73 minutos, Jovane também quase fez o 3-1, num remate muito perto do poste.

No final, foi o Sporting quem começa a época com chave de ouro com a conquista da nona Supertaça na sua história.